Repositório Digital

A- A A+

Perfil metabólico de borregas Corriedale em pastagem nativa do Rio Grande do Sul

.

Perfil metabólico de borregas Corriedale em pastagem nativa do Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Perfil metabólico de borregas Corriedale em pastagem nativa do Rio Grande do Sul
Outro título Metabolic profile of corriedale yearling lambs on native pasture of Southern Brazil
Autor Ribeiro, Luiz Alberto Oliveira
Diaz Gonzalez, Felix Hilario
Conceição, Tiago Reis
Brito, Marcelo Arnt
La Rosa, Verônica Lima
Campos, Rómulo
Resumo O perfil metabólico está constituído por componentes químicos do sangue com potencial de avaliar o status nutricional de rebanhos ovinos. A população ovina do Rio Grande do Sul é a maior do Brasil e seu manejo alimentar é baseado em pastagens nativas. O presente trabalho determinou o perfil metabólico de borregas no Rio Grande do Sul para avaliar as condições nutricionais em diferentes estações do ano. Trinta borregas Corriedale com peso inicial de 10 kg e idade de 4 meses, foram mantidas em pastagens nativas de Paspalum notatum, Andropogon laterais, Aristida jubata e Piptchaectum sp. Com intervalos de três meses foram coletadas amostras de sangue para dosar indicadores do metabolismo energético, protéico e mineral. Os valores de proteínas totais, albumina e globulina encontrados foram menores às de outros trabalhos (55,3; 32,6 e 23,0 g/l, respectivamente). A maioria dos metabólitos protéicos apresentou diferenças entre estações, exceto albumina. O beta-hidroxibutirato teve maior valor no verão (0,8 mg/dl), e mostrou-se relacionado com menor valor de glicose no mesmo período (49,3 mg/dl). O magnésio esteve abaixo de valores relatados por outros autores (2,8 mg/dl), o que pode limitar o aproveitamento de substratos energéticos por seu papel de cofator enzimático. A maioria dos metabólitos apresentou valores mais elevados na primavera refletindo melhor oferta da forragem. No outono foram observados valores compatíveis com déficit mineral e protéico. O verão mostrou valores que sugerem um déficit energético. Os valores apresentados constituem informação para ser utilizada no monitoramento de sistemas de produção ovina.
Abstract Metabolic profile constitutes a series of blood chemical components which have the potential of evaluating nutritional status of sheep flock. Ovine population of the State of Rio Grande do Sul is the largest of Brasil and its raising condition is based on native grass. In this work the metabolic profile of yearling lambs grazed in southern Brazil was assayed to evaluate nutritional conditions along the year. The experimental group was formed by 30 Corriedale lambs, weighting 10 kg and 4 months old at the beginning of the observation period. The group was maintained grazing native pastures of Paspalum notatum, Andropogon laterais, Aristida jubata and Piptchaectum sp. At three months intervals there were collected blood samples to determine indicators of energy, protein and mineral metabolism. The results showed that total proteins, albumin and globulins were lower than other references (55.3 ; 32.6 and 23.0 g/l, respectively). Beta-hydroxybutyrate had higher value on summer (0.8 mg/dl), which was in relation to lesser value of glucose on that period (49.3 mg/dl). Magnesium value (2.8 mg/dl) was lower than reported by other authors, which can constrain a full use of energy substrates, considering its role as enzyme cofactor. Mostly all metabolites had higher values on spring, which may reflect better weather and food availability. Values on autumn were compatibles with mineral and protein deficit. During summer values suggest deficit energy values. Metabolic profile presented here may be used as reference values for monitoring ovine systems to improve nutrition.
Contido em Acta scientiae veterinariae. Porto Alegre, RS. Vol. 31, n. 3 (2003), p. 167-170
Assunto Borregos corriedale
Nutrição animal : Metabolismo
[en] Lambs
[en] Metabolic profile
[en] Nutrition
[en] Southern Brazil
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/19810
Arquivos Descrição Formato
000426137.pdf (216.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.