Repositório Digital

A- A A+

Substituição do ligamento redondo por membrana biológica e pino transarticular na redução de luxação coxofemoral bilateral em cães

.

Substituição do ligamento redondo por membrana biológica e pino transarticular na redução de luxação coxofemoral bilateral em cães

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Substituição do ligamento redondo por membrana biológica e pino transarticular na redução de luxação coxofemoral bilateral em cães
Outro título Substitution of femoral head ligament by biological membrane and transarticular pinnig in reduction of bilateral coxofemoral luxation in dogs
Autor Sia, Daniel Barbosa
Gomes, Cristiano
Contesini, Emerson Antônio
Both, Ana Carolina
Gaiga, Leandro Haczkiewwicz
Ferreira, Márcio Poletto
Colomé, Lucas Marques
Sousa, Eduardo Martins
Hünning, Paula Stieven
Viana, Suellen Zabalaga
Resumo A luxação coxofemoral é a mais freqüente nos pequenos animais, sendo geralmente causada por trauma, levando a ruptura do ligamento redondo e da cápsula articular. O exame clínico identifica o tipo de luxação e a severidade da lesão, sendo de fundamental importância também para a avaliação sistêmica do animal traumatizado. O diagnóstico definitivo é realizado através de radiografia simples, que ajuda a direcionar o tratamento. Este trabalho tem o objetivo de relatar a redução de luxação coxofemoral bilateral com ruptura de cápsula e ligamento redondo de um cão. Para tanto, esse ligamento foi substituído por um “flap” de fáscia lata autógena no membro esquerdo e fixada a articulação com pino transarticular no membro direito, na premissa tentativa de redução. Com a reluxação do membro esquerdo, o “flap” de fáscia lata autógena foi substituído por centro frênico eqüino conservado em glicerina 98%. O centro frênico permitiu o uso funcional do membro 15 dias após a cirurgia, enquanto o pino transarticular em apenas 40 dias de pós-operatório. Sugere-se que o centro frênico eqüino conservado possa ser uma alternativa viável na redução de luxação coxofemoral.
Abstract Coxofemoral luxation is the most common injury in pets. It’s generally caused by trauma, creating a rupture in ligament of the femoral head and capsule articulation. The clinical examination identifies the type of luxation and the severity of the injury, being of basic importance also for the systemic valuation of the traumatized animal. The final diagnostic it’s from a simple radiographic that help to direct the treatment. The object of this report is to mention a reduction of bilateral coxofemoral luxation where occurred a rupture of capsule and the ligament of the femoral head of a dog. The ligament of the left limb was substituted for autograft fascia lata flap and the right limb had fixed its articulation with a transarticular pinning, in experiment reduction. On left limb reluxation, the autograft fascia lata flap was substituted by equine central tendon preserved in glycerin 98%. The central tendon made possible the functional limb use in 15 days after the operation while the transarticular pinnig just on the 40 days of the postoperative. This report suggest that central tendon, in glycerin conservation, could be a viable alternative on reduction of coxofemoral luxation.
Contido em Acta scientiae veterinariae. Porto Alegre, RS. Vol. 34, n.2 (2006), p. 179-182
Assunto Cão
Implantes : Animais domésticos
Luxacao
Ortopedia animal
[en] Coxofemoral luxation
[en] Dog
[en] Implant
[en] Ligament of the femoral head
[en] Orthopedics, implant
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/20336
Arquivos Descrição Formato
000593315.pdf (638.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.