Repositório Digital

A- A A+

Carcinoma inflamatório mamário canino.

.

Carcinoma inflamatório mamário canino.

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Carcinoma inflamatório mamário canino.
Outro título Inflammatory mammary carcinoma in dog
Autor Gomes, Cristiano
Voll, Juliana
Ferreira, Kelly
Ferreira, Rafael Rodrigues
Oliveira, Luciana Oliveira de
Contesini, Emerson Antônio
Oliveira, Rosemari Teresinha de
Resumo O carcinoma inflamatório mamário é um carcinoma anaplásico com características clínicas e histopatológicas como crescimento rápido, envolvimento difuso, eritema, calor e dor nas mamas, edema nos membros posteriores, extensa infiltração de células inflamatórias, células epiteliais malignas nos linfonodos regionais apresentando um péssimo prognóstico. O cão é a única espécie animal em que esta neoplasia ocorre espontaneamente, entretanto apresenta uma incidência bastante rara tanto em humanos quanto em caninos. Este trabalho descreve dois casos de carcinoma inflamatório mamário em duas cadelas da raça Dobermann apresentando aumento de volume mamário com espessamento da pele na região das mamas, com secreção liquido-sanguinolenta local, aumento da temperatura e dor no local e edema de membros posteriores. Em ambos os casos, o resultado do exame citológico revelou carcinoma anaplásico e os animais apresentaram uma rápida evolução da doença em menos de 30 dias, optando-se pela eutanásia nos dois casos. Os achados de necrópsia indicaram metástases pulmonares em ambos os cães e com o exame histológico confirmaram o diagnóstico de carcinoma anaplásico. Este trabalho elucida bem os sinais clínicos característicos dos cães com carcinoma inflamatório, que se assemelham muito a mastite, demonstra o prognóstico reservado desta enfermidade, além de chamar a atenção para este raro tumor ter ocorrido na mesma raça.
Abstract The mammary inflammatory carcinoma is an anaplasic carcinoma with clinical and histopathological characteristics as rapid growth, diffuse involvement, eritema, warmth and pain of the mammary gland, edema in the posterior limbs, extense infiltration of inflammatory cells, malignant epithelial cells in the lymph nodes, presenting bad prognostic. The dog is the only animal specie that this tumor occurs naturally, however this tumor is rare in human and in dogs. The mammary inflammatory carcinoma is one of the most malignant tumors in dogs. This study describes two cases of mammary inflammatory carcinoma in two dobermans presenting an increase mass of the mammary tissue, thickening of the skin in the region of the breasts, serosanguineous discharge of the region, high local temperature and local pain and edema of posterior limbs. In both cases, was diagnosed anaplasic carcinoma by the histopathology and the animals presented a rapid evolution of the illness in less than 30 days, opting to euthanasia in both animals. The autopsy findings had disclosed pulmonary metastasis in both dogs and confirmed the result of anaplasic carcinoma of the cytology. These cases elucidate the characteristic clinical signals of the animals with inflammatory carcinoma, that is very similar as mastitis, demonstrates the bad prognostic of this disease, observing that this rare tumor occurred in two dogs of the same breed.
Contido em Acta scientiae veterinariae. Porto Alegre, RS. Vol. 34 n.2 (2006), p. 171-174
Assunto Cirurgia veterinaria
Neoplasmas malignos : Caes
Osteossarcoma
Tumor de mama canino
[en] Cancer
[en] Inflammatory mammary carcinoma
[en] Mammary tumor
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/20427
Arquivos Descrição Formato
000605430.pdf (209.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.