Repositório Digital

A- A A+

Efeito de hypericum caprifoliatum cham. & schltdl. (guttiferae) sobre contrações em íleo isolado de cobaio induzidas por diferentes agonistas

.

Efeito de hypericum caprifoliatum cham. & schltdl. (guttiferae) sobre contrações em íleo isolado de cobaio induzidas por diferentes agonistas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeito de hypericum caprifoliatum cham. & schltdl. (guttiferae) sobre contrações em íleo isolado de cobaio induzidas por diferentes agonistas
Outro título Effect of Hypericum caprifoliatum Cham & Schltdl (Guttiferae) on isolated guinea pig ileum serotonin response
Autor Viana, Alice Fialho
Heckler, Ana Paula Machado
Von Poser, Gilsane Lino
Langeloh, Augusto
Rates, Stela Maris Kuze
Resumo Na última década, o gênero Hypericum ganhou repercussão mundial devido à utilização de Hypericum perforatum para obtenção de medicamentos antidepressivos. Por esta razão, a maioria dos estudos com outras espécies do gênero centra-se nesta atividade. Porém, um dos usos populares de espécies de Hypericum nativas do sul do Brasil é no tratamento de problemas gastrintestinais, inclusive como antiespasmódico. Neste trabalho, foi avaliado o efeito de uma das espécies de Hypericum nativas do Rio Grande do Sul, H. caprifoliatum, sobre as contrações induzidas por agonistas em íleo isolado de cobaio. (Continnuação) Foi investigado o efeito de um extrato ciclo-hexano purifi cado (isento de clorofi la e ceras), nas concentrações de 1, 3, 10 e 30 mg/mL, sobre curvas cumulativas de acetilcolina, histamina, potássio e serotonina (10-7 a 10-4 M). Na concentração de 30 mg/mL o extrato inibiu totalmente as contrações induzidas por todos os agonistas. Na concentração de 10 mg/mL, o extrato apresentou efeito antagonista nãocompetitivo de serotonina, reduzindo a contração máxima induzida por serotonina em cerca de 50 %. A resposta contrátil aos outros mediadores não foi alterada. Estes resultados indicam que espécies de Hypericum do sul do Brasil podem ser uma perspectiva interessante na busca de moléculas com atividade sobre a motilidade gastrintestinal.
Abstract In the last decade the genus Hypericum has achieved worldwide recognition due to the therapeutic value of H. perforatum as an antidepressant drug. Consequently this activity is the most investigated one. However, species native to Brazil have other folk uses such as for the treatment of digestive disorders, including cramps. In this study we evaluated the effect of a purifi ed cyclohexane extract (chlorophyll and waxes free) (1,3,10 and 30 mg/mL) of H. caprifoliatum, a specie native to South Brazil, on isolated guinea pig ileum contractions induced by different mediators: serotonin, histamine, acetylcholine and potassium chloride (10-7 - 10-4 M). At 30 mg/mL all contractile responses were abolished. At 10 mg/mL only serotonin responses were altered: the extract reduced the maximal effect in 50%, which represents a non-competitive antagonism. At 1 and 3 mg/mL the extract was unable to modify all mediators response. These results point to native species of Hypericum as an interesting perspective in searching new molecules active on gastrointestinal motility.
Contido em Revista brasileira de farmacognosia. São Paulo, SP. Vol. 17, n. 3 (Jul./Set. 2007), p. 378-383
Assunto Guttiferae
Hypericum caprifoliatum
Plantas medicinais : Atividade antiespasmódica
[en] Guinea pig ileum
[en] Hypericum caprifoliatum
[en] Serotonin
[en] Spasmolytic
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/20520
Arquivos Descrição Formato
000614662.pdf (280.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.