Repositório Digital

A- A A+

Estratégias de enfrentamento da morbidade por causas externas na atenção básica em uma região do município de Porto Alegre

.

Estratégias de enfrentamento da morbidade por causas externas na atenção básica em uma região do município de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estratégias de enfrentamento da morbidade por causas externas na atenção básica em uma região do município de Porto Alegre
Outro título Punishment, penalty or providence? Morbidity due to external causes in basic healthcare, Porto Alegre, Brazil
Autor Rodrigues, Gerci Salete
Lopes, Marta Júlia Marques
Souza, Aline Corrêa de
Ribeiro, Luiza Maria
Resumo Esta pesquisa parte da construção do trabalho do grupo de Observadores de Causas Externas nos serviços de saúde municipais da Gerência Distrital de Saúde Partenon e Lomba do Pinheiro de Porto Alegre. Objetiva-se refletir sobre as ações e o papel dos serviços de saúde frente aos agravos ocasionados por Causas Externas, na perspectiva de estratégia promocional em saúde e qualidade de vida. O alto índice destes eventos gerou inconformidade a alguns profissionais de saúde dos serviços da região, conscientes do grave problema de Saúde Pública que eles representam. As estratégias de enfrentamento visaram primeiramente a implementar os registros dos Agravos por Causas Externas na região, com envolvimento de toda a equipe. A seguir, partiu-se para a qualificação do atendimento às vítimas de acidentes e violências. A divulgação dos resultados do trabalho do grupo deu-se em eventos temáticos e em reuniões comunitárias, além de atividades direcionadas especificamente aos trabalhadores de saúde. Espera-se que a sensibilização e a qualificação gerem o compromisso de trabalhar em rede na implementação de iniciativas de proteção, sobretudo aos mais vulneráveis.
Abstract This research project is based on the work of the External Causes Observer Group for Municipal Health Services under the Partenon and Lomba do Pinheiro District Administration in Porto Alegre, Brazil. It reflects on the actions and roles of Health Services in response to injuries due to External Causes, from the standpoint of strategies promoting health and quality of life. The high rate for these events prompted dissatisfaction among local healthcare parishioners, keenly aware that they constitute a serious Public Health problem. Coping strategies were initially intended to keep records of injuries due to external causes in this region, involving the entire team. Subsequently, the assistance rendered to victim of accidents and violence was examined. The findings of this group were presented at special events and community meetings, in addition to activities specifically addressing healthcare workers. Awareness-heightening and better qualifications are expected to underpin commitments to networking and the implementation of initiatives providing protection, particularly for more vulnerable segments.
Contido em Ciência & saúde coletiva. Rio de Janeiro, RJ. Vol. 13, n. 1 (jan./fev. 2008), p.111-120
Assunto Morbidade : Causas externas
Vulnerabilidade
[en] Basic healthcare
[en] External causes
[en] Morbidity
[en] Vulnerability
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/20532
Arquivos Descrição Formato
000625704.pdf (55.25Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.