Repositório Digital

A- A A+

Brain injury markers (S100B and NSE) in chronic cocaine dependents

.

Brain injury markers (S100B and NSE) in chronic cocaine dependents

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Brain injury markers (S100B and NSE) in chronic cocaine dependents
Autor Kessler, Felix Henrique Paim
Woody, George
Portela, Luis Valmor Cruz
Tort, Adriano Bretanha Lopes
De Boni, Raquel Brandini
Peuker, Ana Carolina Wolf Baldino
Genro, Vanessa Krebs
Diemen, Lisia von
Souza, Diogo Onofre Gomes de
Pechansky, Flavio
Resumo Objetivo: Estudos têm demonstrado sinais de lesão cerebral causadas por diferentes mecanismos em usuários de cocaína. A enolase sérica neurônio-específica e a proteína S100B são consideradas marcadores bioquímicos específicos de lesão neuronal e glial. Este estudo objetivou comparar os níveis sangüíneos de S100B e enolase sérica neurônio-específica em usuários crônicos de cocaína e em voluntários que não usam cocaína ou outras drogas ilícitas. Método: Vinte sujeitos dependentes de cocaína, mas não dependentes de álcool, maconha ou outra droga, e 20 sujeitos controles não usuários de drogas foram recrutados. Os sujeitos foram selecionados por amostragem consecutiva e não-probabilística e os níveis de enolase neurônio-específica e S100B foram determinados por ensaio de luminescência. Resultados: Os usuários de cocaína tiveram escores significativamente maior que os controles em todas as dimensões psiquiátricas do SCL-90 e apresentaram prejuízos cognitivos no subteste cubos do WAIS e no span de palavras. Os níveis de S100B foram em média 0,09 ± 0,04 μg/l nos usuários de cocaína e 0,08 ± 0,04 μg/l nos controles. Os níveis de enolase neurônio-específica foram em média 9,7 ± 3,5 ng/l nos usuários e 8,3 ± 2,6 ng/l nos controles. Conclusão: Neste primeiro estudo utilizando esses marcadores específicos de lesão cerebral em usuários de cocaína, os níveis séricos de S100B e enolase específica do neurônio não foram significativamente diferentes entre dependentes de cocaína e controles.
Abstract Objective: Studies have shown signs of brain damage caused by different mechanisms in cocaine users. The serum neuron specific enolase and S100B protein are considered specific biochemical markers of neuronal and glial cell injury. This study aimed at comparing blood levels of S100B and NSE in chronic cocaine users and in volunteers who did not use cocaine or other illicit drugs. Method: Twenty subjects dependent on cocaine but not on alcohol or marijuana, and 20 non-substance using controls were recruited. Subjects were selected by consecutive and non-probabilistic sampling. Neuron specific enolase and S100B levels were determined by luminescence assay. Results: Cocaine users had significantly higher scores than controls in all psychiatric dimensions of the SCL-90 and had cognitive deficits in the subtest cubes of WAIS and the word span. Mean serum S100B level was 0.09 ± 0.04 μg/l among cocaine users and 0.08 ± 0.04 μg/l among controls. Mean serum neuron specific enolase level was 9.7 ± 3.5 ng/l among cocaine users and 8.3 ± 2.6 ng/l among controls. Conclusions: In this first study using these specific brain damage markers in cocaine users, serum levels of S100B and neuron specific enolase were not statistically different between cocaine dependent subjects and controls.
Contido em Revista brasileira de psiquiatria. São Paulo. Vol. 29, n. 2 (jun. 2007), p. 134-139
Assunto Cocaína
Proteínas S100
Transtornos cognitivos
Transtornos mentais
Transtornos relacionados ao uso de cocaína
[en] Cocaine
[en] Cognition disorders
[en] Cognitive science
[en] Neuron specific enolase
[en] psychotic
[en] Symptoms
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/20639
Arquivos Descrição Formato
000649382.pdf (516.2Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.