Repositório Digital

A- A A+

O estatuto da diversidade sexual nas políticas de educação no Brasil e na França a comparação como ferramenta de desnaturalização do cotidiano de pesquisa

.

O estatuto da diversidade sexual nas políticas de educação no Brasil e na França a comparação como ferramenta de desnaturalização do cotidiano de pesquisa

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O estatuto da diversidade sexual nas políticas de educação no Brasil e na França a comparação como ferramenta de desnaturalização do cotidiano de pesquisa
Outro título Sexual diversity status in Brazil’s and France’s educational policies: comparison as a denaturalizing tool for the quotidian of research
Autor Nardi, Henrique Caetano
Resumo O objetivo deste artigo é descrever problematizando o cotidiano da construção de uma pesquisa que, ela mesma, busca entender como se produz, a partir da implantação de políticas públicas, ações sobre um cotidiano naturalizado de discriminações de caráter homofóbico e sexista nas escolas do Brasil e da França. Além de apresentar informações e hipóteses que emergem do trabalho de campo, a intenção do texto é apresentar os desafios de uma pesquisa que mergulha no cotidiano de culturas e contextos socio-econômicos distintos. A análise da utilização da ferramenta da comparação, pensada como efeito de distorção da imagem no espelho e colocação em suspenso de formas pré-construídas de compreensão do vivido, indica que uma intervenção analítica desta ordem permite, de forma distinta da pretensão de generalização pópria a um exercício de comparação de base positivista, a desnaturalização de formas de pesquisar e de compreender as problemáticas sobre as quais nos debruçamos.
Abstract The goal of this article is to describe and problematize the quotidian of producing a research, which, in itself, seeks to understand how naturalized homophobic and sexist discriminatory actions are produced in the quotidian of schools in Brazil and France, based on the implementation of public policies. Besides presenting information and hypotheses derived from fieldwork, the intention of this text is to present the challenges of a research that immerses into the quotidian of different socioeconomic and cultural contexts. The analysis of using the comparative tool, considered as having a distortion effect of an image in the mirror and suspension effect of pre-constructed forms of comprehension of what is experienced, indicates that this order of analytic intervention allows to denaturalize research practices and the understanding of problems, distinctively from positivist comparison exercises that intend to generalize.
Contido em Psicologia & sociedade. São Paulo, SP. Vol. 20, nesp ( 2008), p. 12-23.
Assunto Diferenças interculturais
Diversidade sexual
Educação
Educação sexual
Estudo comparativo
Políticas públicas
[en] Comparison
[en] Education
[en] Homophobia
[en] Quotidian
[en] Research
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/20678
Arquivos Descrição Formato
000663813.pdf (477.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.