Repositório Digital

A- A A+

Tecoma em uma égua.

.

Tecoma em uma égua.

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Tecoma em uma égua.
Outro título Thecoma in a mare
Autor Nóbrega, Fernanda Silveira
Gianotti, Giordano
Beck, Carlos Afonso de Castro
Alievi, Marcelo Meller
Gomes, Alice
Arruda, Natália Schmidt
Rocio, Talita Franzen
Gonzalez, Paula Cristina Sieczkowski
Ferreira, Márcio Poletto
Resumo Grandes prejuízos na reprodução eqüina podem ser causados por afecções ovarianas, dentre elas, podemos citar: hematomas, abscessos e torções de ovário, distúrbios neoplasicos, como os tumores de células germinativas, tumores mesenquimatosos, tumores das células da granulosa e tumores de células da teca (tecoma) sendo que, entre estes, o tecoma é considerado raro. Os tecomas são hormonalmente ativos causando alterações no comportamento e no ciclo estral das éguas. Por ser de apresentação rara, os detalhes da clínica, ultrassonografia, endocrinologia e histologia desse tumor não são descritos na literatura veterinária. O presente trabalho descreve o caso de uma égua submetida a ovariectomia unilateral para remoção de um tumor no ovário esquerdo que no exame histopatológico foi caracterizado como tecoma. O procedimento e a evolução do caso foram satisfatórios e o animal recebeu alta após a retirada dos pontos de pele em 15 dias. Decorrido um ano da cirurgia, o animal encontra-se com ovário direito funcional e ciclando o que demonstra êxito no tratamento adotado.
Abstract The ovarian pathologies reduce the reproductive performance. The most common ovarian pathologies are hematoma, abscess, torsion and neoplasm, such as germinative cells tumors, mesenquimatous tumors, granulosa cell tumors and theca cell tumors. The last one is denominated thecoma and ist considered a rare neoplasm. These tumors produce hormones, causing changes in the mare’s attitude and in the estral cycle. Due to its rarity, the details of its clinical presentation, ultrasound, endocrinology and histology are not described in veterinary literature. The present paper reports the case of a mare, which was submitted to unilateral ovariectomy in order to remove the affected (left) ovary and the tumor. The surgery and the evolution of the patient were satisfactory. The animal was discharged fifteen days after the surgery as the stitches were already taken. One year after the surgery the mare has follicular activity and accepts mating. Therefore we concluded that the treatment choused was successful.
Contido em Acta scientiae veterinariae. Porto Alegre, RS. Vol. 36, n.2 (2008), p. 185-189
Assunto Cirurgia veterinaria : Equinos
Equinos
Ovariectomia
[en] Ovarian
[en] Ovarian Tumor
[en] Ovariectomy
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/20707
Arquivos Descrição Formato
000675849.pdf (142.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.