Repositório Digital

A- A A+

Percepções do paciente em lista de espera para o transplante renal

.

Percepções do paciente em lista de espera para o transplante renal

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Percepções do paciente em lista de espera para o transplante renal
Outro título Feelings of patients on the waiting list for a kidney transplant
Outro título Percepciones del paciente en lista de espera para el transplante renal
Autor Flores, Rosiele Vemdrame
Thomé, Elisabeth Gomes da Rocha
Resumo Estudo exploratório descritivo, com abordagem qualitativa cujo objetivo foi: conhecer as percepções dos pacientes em lista de espera para transplante renal. O local da pesquisa foi a Unidade de Hemodiálise de um hospital universitário de Porto Alegre. Os participantes foram os pacientes ativos na lista de espera para fazer o transplante renal, sendo a amostra constituída de 09 portadores de IRC, que realizam hemodiálise. Como resultados identificou-se as seguintes percepções: esperança, ansiedade, liberdade, ambivalência, medo, culpa e fé. A dependência da diálise para sobreviver remete o paciente ao confronto com a morte e a descrença, ao mesmo tempo em que busca força e fé para lutar e manter-se na espera por um doador.
Abstract A descriptive and exploratory study with a qualitative approach whose aim was to get to know the feelings of patients on the waiting list for a kidney transplant. The research was conducted at the Hemodialysis Unit of a university hospital of Porto Alegre. The participants were the active patients on the waiting list for a kidney transplant. The sample comprised 9 patients affected with chronic renal insufficiency who undergo hemodialysis. The following feelings have been identified: hope, anxiety, freedom, ambivalence, fear, guilt, and faith. Dependence on dialysis for survival causes patients to face death and disbelief at the same time that they search for strength and faith in order to fight and wait for a donor.
Resumen Estudio exploratorio descriptivo, con abordaje cualitativo cuyo objetivo fue: conocer las percepciones de los pacientes en lista de espera para transplante renal. El local de la encuesta fue la Unidad de Hemodiálisis de un hospital universitario de Porto Alegre. Los participantes fueron los pacientes activos en la lista de espera para hacer el transplante renal, siendo la muestra constituida de 09 portadores de IRC (Insuficiencia Renal Crónica), que realizan hemodiálisis. Como resultados se identificaron las siguientes percepciones: esperanza, ansiedad, libertad, ambivalencia, miedo, culpa y fe. La dependencia de la diálisis para supervivir remete al paciente al enfrentamiento con la muerte y la descreencia, al mismo tiempo en que busca fuerza y fe para luchar y mantenerse en la espera por un donador.
Contido em Revista brasileira de enfermagem. Brasília. Vol. 57, n. 6 (nov./dez. 2004), p. 687-690
Assunto Atitude frente a morte
Diálise renal
Transplante de rim
[en] Deth
[en] Hemodialyses
[en] Transplantion
[es] Hemodiálisis
[es] Muerte
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/20995
Arquivos Descrição Formato
000504453.pdf (34.61Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.