Repositório Digital

A- A A+

Entre pedaços de algodão e bailarinas de porcelana : a performance artística do balé clássico como performance de gênero

.

Entre pedaços de algodão e bailarinas de porcelana : a performance artística do balé clássico como performance de gênero

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Entre pedaços de algodão e bailarinas de porcelana : a performance artística do balé clássico como performance de gênero
Autor Santos, Tatiana Mielszarski dos
Orientador Icle, Gilberto
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Dança
Gênero
Infância
Performance
[en] Ballet
[en] Childhood
[en] Dance
[en] Education
[en] Genre
[en] Performance
[en] Schechner, Richard
Resumo O objetivo desta pesquisa é analisar de que modos a performance artística do balé, que compreende uma série de práticas e significados que lhe conferem sentido, converte-se em performance de gênero, ou seja, estiliza o corpo, repercute na aparência e no comportamento de quem dança, produzindo e reproduzindo maneiras específicas de se viver a masculinidade e a feminilidade. O material empírico foi constituído a partir de entrevistas realizadas com dois grupos de crianças que participam de aulas desse estilo de dança em Porto Alegre. Para a realização da análise, foram utilizados como referenciais teóricos o conceito de performance de Richard Schechner, entre outras contribuições dos Estudos da Performance, bem como alguns referenciais dos Estudos de Gênero e de autores que tratam da história, cultura e pedagogia do balé clássico. As análises foram organizadas em quatro eixos que dizem respeito: 1) à performance do balé e aos seus aspectos técnicos e pedagógicos; 2) à infância performatizada, a partir das rotinas e dos interesses das crianças entrevistadas; 3) às performances do feminino na dança clássica; 4) às discussões deflagradas por intermédio da observação de imagens relativas ao universo da dança e ao universo infantil estereotipado. A partir dos relatos das crianças, verificou-se que dançar balé (pode) significa(r) dar-se a ver bela e feminina, e que o aprendizado da dança se caracteriza como aprendizado de ser menina. Dessa forma, a rigidez na delimitação de um modo de se viver a masculinidade e a feminilidade pode tanto afastar os meninos da dança, quanto aproximar as meninas ao balé.
Abstract The aim of this research is to analyse in which ways the artistic performance of the ballet dance, which comprehends a branch of practices and meanings that give its sense, converts in genre performance, i. e., stilize the body, has effects on physical appearance and in the behaviour of the ones that dance, producing and reproducing specific ways of living masculinity and feminility. The empiric material was constituted from interviews performed with two different groups of kids that take ballet classes in Porto Alegre. In order to make this analysis we used the concept of the word performance from Richard Schechner as a theoretical referencial, among some other contributions from the Performance Studies, as well as some referentials from Genre Studies and from authors that treat ballet history, culture and pedagogy: 1) to the ballet performance and to its technical and pedagogycal aspects; 2) to the performatized childhood, from the routines and interests of the children that were interviewed; 3) to the female performances ind classic dance; 4) to the discussions led through the observation of images related to the dance universe and to the childlike universe. From the analysis of what children said about dancing ballet, we verify that dancing ballet can mean putting each dancer in a condition of showing herself beautiful and female-like and that dance learning means learning to be a girl. Thus, the difficulty of setting a way of living masculinity and feminility can either put boys away from dance or put girls even closer to the art of ballet.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/21386
Arquivos Descrição Formato
000737079.pdf (1.114Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.