Repositório Digital

A- A A+

Crucial : literatura e idealismo em Porto Alegre [1951-54]

.

Crucial : literatura e idealismo em Porto Alegre [1951-54]

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Crucial : literatura e idealismo em Porto Alegre [1951-54]
Autor Prestes, Felipe Nascimento
Orientador Deus, Sandra de Fatima Batista de
Data 2009
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Curso de Comunicação Social: Habilitação em Jornalismo.
Assunto Crucial (Revista)
Jornalismo literário
Resumo Crucial foi uma revista literária criada por um grupo de jovens em Porto Alegre, em 1951. Teve cinco edições, até 1954. A vigente pesquisa visa resgatar a história da publicação, analisar sua produção literária e contextualizá-la com o momento em que era realizada. Paulo Hecker Filho, Linneu Dias, José Paulo Bisol e Vera Mogilka eram os escritores, que fizeram do periódico espaço para idealismo, rebeldia e experimentação literária. Os anos dourados, o crescimento das grandes cidades, os jovens e mulheres buscando seu espaço, as ideias de Sartre e Simone são alguns dos aspectos importantes que foram levados em conta para entender o contexto. Também foi analisada a literatura gaúcha, marcada pelo forte regionalismo à época; a literatura brasileira, abrindo diversas possibilidades após a ruptura do modernismo de 22; e o papel desempenhado pelas revistas literárias, canalizadoras de novas ideias éticas e estéticas. Pela ausência de trabalhos sobre esse grupo que tentou sacudir a cena literária da capital gaúcha, o presente estudo visa preencher esta lacuna.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/22306
Arquivos Descrição Formato
000739536.pdf (534.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.