Repositório Digital

A- A A+

Diagnóstico ultra-sonográfico do momento ovulatório em búfalas (Bubalus bubalis) inseminadas no estro espontâneo e induzido

.

Diagnóstico ultra-sonográfico do momento ovulatório em búfalas (Bubalus bubalis) inseminadas no estro espontâneo e induzido

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Diagnóstico ultra-sonográfico do momento ovulatório em búfalas (Bubalus bubalis) inseminadas no estro espontâneo e induzido
Outro título Ultrasonographical diagnosis of ovulation in buffaloes (Bubalus bubalis) inseminated in spontaneous and induced oestrus
Autor Diaz, Jorge Damian Stumpfs
Oliveira, Alexandre Tavares Duarte de
Aguiar, Paulo Ricardo Loss
Rodrigues, José Luiz Rigo
Resumo O objetivo deste experimento foi determinar o intervalo entre o início do estro induzido ou espontâneo e a ovulação em fêmeas bubalinas (Bubalus bubalis) com o auxílio da ultra-sonografia, o que permitirá a determinação de um horário mais apropriado para a I.A. pré-fixada. Nos meses de março a junho, outono no sul do Brasil (época reprodutiva dos bubalinos), 132 fêmeas adultas ciclando foram divididas em 3 grupos experimentais: Grupo A - 53 fêmeas foram tratadas com implante subcutâneo de Norgestomet ou espiral intravaginal contendo progesterona. Na retirada dos dispositivos, foi aplicado 250μg de cloprostenol pela via intra-submucosa vulvar (i.s.m.v.), Grupo B - 48 búfalas foram tratadas com dupla aplicação de 250μg de cloprostenol pela via i.s.m.v. com intervalo de 11 dias e Grupo C - 31 búfalas foram consideradas testemunhas, sem tratamento. Todas as búfalas foram inseminadas no momento da observação do maior diâmetro do folículo pré-ovulatório, detectado por ultrasonografia, durante o estro. Após o diagnóstico de prenhez, constatou-se, nos três tratamentos, que houve diferença significativa entre as búfalas prenhes e vazias no período compreendido entre o início do estro até o momento da ovulação e no período entre a I.A.e a ovulação. Os índices de prenhez foram de 41,5%, 52,1% e 54,8% nos grupos A, B e C, respectivamente. A variação no intervalo estro-ovulação nas búfalas é uma barreira para a obtenção de taxas de prenhez por I.A. pré-fixada comparáveis à monta natural, tanto no estro induzido através de progesterona e prostaglandina F2 alfa como no estro espontâneo.
Abstract The aim of this experiment was to determine the interval between the beginning of the spontaneous or induced oestrus and the ovulation in females buffaloes using ultrasonography. This will be useful in the determination of the most proper moment for the pre-fixed artificial insemination. In the reproductive season, autumn in the South of Brazil (march-june), 132 clicling females were divided in 3 groups: Group A: 53 females were treated with auricular subcutaneous implant of norgestomet or intravaginal device of progesterone. In the moment that the devices were removed, 250μg of cloprostenol were applied for intravulvar submucosis (ivsm). Group B: 48 buffaloes females were treated twice with 250μg of cloprostenol for ivsm with interval of 11 days. Group C: 31 buffaloes females remained without any treatment (control group). All of them were inseminated in the moment that was observed the biggest diameter of pre-ovulatory follicle determinated by ultrasonography. In the 3 groups, there was significative difference between pregnant and non-pregnant females in the oestrus-ovulation interval and in the A.I.-ovulation interval. The pregnancy rates were 41.5%, 52.1% and 54.8% in the groups A, B amd C, respectively. The variation in the oestrusovulation in buffaloes is the major obstacle to achieve high pregnancy rates using pre-fixed artificial insemination in spontaneous and induced oestrus.
Contido em Ciência rural. Santa Maria. Vol. 31, n. 4 (jul./ago. 2001), p.657-662
Assunto Inseminacao artificial
[en] Artificial insemination
[en] Buffaloes
[en] Ovulation
[en] Progestogen
[en] Prostaglandin F2 alpha
[en] Ultrasonography
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/22527
Arquivos Descrição Formato
000030480.pdf (114.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.