Repositório Digital

A- A A+

A Desuniformidade de Emergencia Reduz o Rendimento de Graos de Milho

.

A Desuniformidade de Emergencia Reduz o Rendimento de Graos de Milho

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A Desuniformidade de Emergencia Reduz o Rendimento de Graos de Milho
Outro título Uneven emergence reduces maize grain yield
Autor Merotto Junior, Aldo
Sangoi, Luis
Ender, Marcio
Guidolin, Altamir Frederico
Haverroth, Hector Silvio
Resumo Altos rendimentos de milho estão relacionados à emergência rápida, completa e regular das plantas. Este trabalho foi conduzido em Lages (SC), com o objetivo de avaliar o efeito da desuniformidade de emergência e da população de plantas sobre o rendimento de grãos de milho. Os tratamentos foram dispostos em delineamento de blocos ao acaso, em parcelas subdivididas, alocando-se nas parcelas principais quatro populações de plantas (40.000, 60.000, 80.000 e 100.000 plantas.ha-1) e nas subparcelas os tratamentos de desuniformidade de emergência realizados através da variação da data de semeadura em covas adjacentes na linha de plantio, resultando nas seguintes situações de emergência entre plantas vizinhas: 1 - uniforme (0-0-0-0-0); 2 - desuniformidade de 12 dias (0-12-0-12-0); 3 - 19 dias (0-19-0- 19-0); e, 4 - 12 e 19 dias (0-12-19-0-12-19) Na situação de emergência uniforme, o aumento da população de plantas até 76.500 plantas.ha-1 incrementou o rendimento de grãos para 12.900kg.ha-1. Nesta população de plantas, a diferença do rendimento de grãos entre as plantas de emergência uniforme e aquelas em desuniformidade foi aproximadamente 2.900kg.ha-1, indicando que sob níveis de rendimento semelhantes, a realização da ressemeadura pode ser uma prática economicamente vantajosa. A desuniformidade de emergência diminuiu o rendimento de grãos de milho e limitou a resposta ao incremento da população de plantas.
Abstract High maize grain yields are related to a fast, complete and regular plant emergence. This experiment was carried out in Lages, SC, Brazil, with the objective of evaluating the effects of an uneven plant emergence on maize grain yield at different plant populations. A split plot design was used, with the main plots disposed in randomized complete blocks. Four plant populations, equivalent to 40,000, 60,000, 80,000 and 100,000 pl.ha-1 were tested in the main plots. Different levels of unevenness in plant emergence were analyzed in the split plots by varying the sowing dates of adjacent hills inside each as it follows: 1 - even emergence (0-0-0-0); 2 - unevenness of 12 days (0-12-0-12); 3 - unevenness of 19 days (0-19-0-19); 4 - unevenness of 12 and 19 days (0-12-19-0-12-19). The increase in plant population up to 76,500 pl.ha-1 enhanced grain yield to 12,900kg.ha-1. At this plant population, the difference in yield grain per hectare among treatments with even and uneven emergence was nearly 2,900kg. This indicates that under similar productivity levels replanting maize may be on economically viable option. Besides reducing grain yield, uneven emergence also limited maize response to the increment in plant population.
Contido em Ciencia Rural. Santa Maria. vol. 29, n. 4 (out./dez. 1999), p. 595-601
Assunto Milho : Pratica cultural : Emergencia : Rendimento
[en] Competition
[en] Plant population
[en] Sowing
[en] Unevenness of emergence
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/22566
Arquivos Descrição Formato
000267843.pdf (76.79Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.