Repositório Digital

A- A A+

Comparação da distância intercaninos superior e inferior no início e ao final do tratamento ortodôntico corretivo, em casos tratados com e sem extração

.

Comparação da distância intercaninos superior e inferior no início e ao final do tratamento ortodôntico corretivo, em casos tratados com e sem extração

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Comparação da distância intercaninos superior e inferior no início e ao final do tratamento ortodôntico corretivo, em casos tratados com e sem extração
Autor Fornari, Maria Celeste Montagner
Orientador Ferreira, Eduardo Silveira
Data 2009
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Especialização em Ortodontia.
Assunto Ortodontia : Exodontia
Ortodontia : Tratamento
[en] Intercanine distance
[en] Orthodontic treatment
[en] Teeth extraction
Resumo A distância intercaninos superior e inferior tem sido muito estudada nos tratamentos ortodônticos. A sua manutenção, da fase inicial para a final dos tratamentos, estaria relacionada à estabilidade dos casos a longo prazo, pois se manteriam os dentes sobre as suas bases ósseas, mantendo o equilíbrio muscular e funcional. O objetivo deste trabalho é comparar se as distâncias intercaninos superiores e inferiores se alteram nos casos tratados ortodonticamente, com e sem extrações de pré-molares. A amostra foi composta por 30 pares de modelos de gesso de 30 pacientes tratados no curso de Especialização em Ortodontia da F.O. da UFRGS, onde os valores lineares foram medidos na ponta das cúspides dos caninos superiores e inferiores. Os valores obtidos ao final do tratamento foram comparados aos valores iniciais nos modelos de gesso. A análise dos resultados revelou: 1) os valores finais, para todas as medidas estudadas, das distâncias intercaninos superior e inferior, de casos tratados com e sem extração de pré-molares, apresentaram-se maiores do que os iniciais, indicando que houve expansão destas medidas durante os tratamentos. 2) no grupo com extrações dentárias, houve um maior aumento da medida inicial para a final, ocorrido, provavelmente, pela movimentação dos caninos para uma área de maior largura no arco dentário. 3) A única medida que o aumento - a expansão - não foi estatisticamente significativa foi a distância intercaninos inferior dos casos tratados sem extração. Os resultados sugerem que, na amostra estudada nos casos tratados na F.O. do Curso de Especialização da UFRGS, ocorreu um aumento das distâncias intercaninos, porém este aumento está de acordo com a revisão de literatura estudada.
Abstract Maxillary and mandibular intercanine distances have much been studied in orthodontic treatments. Its maintainance, from baseline to final treatment phase, would be related to long term stability, since teeth would be maintained over their bone structure, thus sustaining muscle and functional balance. The objective of this study is to compare if maxillary and mandibular intercanine distances are altered in orthodontically treated patients, with and without premolar extraction. The sample comprised for 30 couple dental casts of patients who were treated at the Department of Orthodontics of the Postgraduate program in Dental School at UFRGS, where the linear values was measured from cusp tip of upper and lower canines. The values obtained at the end of the treatment were compared to the baseline values from patient’s dental casts. Analysis of the results revealed: 1) final values, for all measures studied, maxillary and mandibular intercanine distances, of the cases treated either with or without premolar extraction, were greater than baseline. This result indicates an expansion of these measure during treatmentes. 2) extraction group presented a greater increase from baseline to final measures, which propably due to canine movement towards a larger area of the arch. 3) mandibular intercanine distance of nonextraction cases was the only measure with no statistically significant expansion. The results suggest that, for the sample treated at the Department of Orthodontics of the Postgraduate program in Dental School at UFRGS, there was an increase of intercanince distances. Nevertheless, this increase is in accordance with previous studies in the literature.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/23243
Arquivos Descrição Formato
000742215.pdf (288.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.