Repositório Digital

A- A A+

Efeitos do condicionamento osmótico na qualidade fisiológica de sementes de Adesmia latifolia (Spreng.) Vog.

.

Efeitos do condicionamento osmótico na qualidade fisiológica de sementes de Adesmia latifolia (Spreng.) Vog.

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeitos do condicionamento osmótico na qualidade fisiológica de sementes de Adesmia latifolia (Spreng.) Vog.
Outro título Osmoconditioning effects on the physiological quality of Adesmia latifolia (Spreng) Vog. seeds
Autor Suñé, Ana Dias
Franke, Lucia Brandao
Sampaio, Tanira Gimenez
Resumo Considerando que a espécie Adesmia latifolia (Spreng.) Vog. apresenta estabelecimento lento, aliado à dureza do tegumento de suas sementes, o que contribui para uma emergência desuniforme, este trabalho teve como objetivo investigar os efeitos do condicionamento osmótico na qualidade fisiológica, avaliando-se a percentagem final e velocidade de germinação, comprimento médio das plântulas e índices de matéria fresca e matéria seca das plântulas, em laboratório e em canteiros. Para o condicionamento osmótico as sementes foram embebidas por dois dias em solução de polietilenoglicol (200g/l)), aquecida a uma temperatura inicial de 70°C e posteriormente resfriada a 20°C. Além da testemunha não osmocondicionada, as sementes também foram colocadas em água quente a 60°C e semeadas em canteiros, em linhas, num delineamento em blocos completamente casualizados, com quatro repetições de 40 sementes cada As sementes osmocondicionadas de A. latifolia mostraram desempenho fisiológico superior (P<0,05) na percentagem final e na velocidade de germinação, no comprimento médio das plântulas e nos índices de matéria fresca e matéria seca das plântulas tanto em canteiros, como em laboratório. O condicionamento osmótico com aquecimento da solução, além de melhorar o desempenho das sementes de A. latifolia foi eficiente em superar a dormência, não sendo necessária a utilização de métodos normalmente aplicados em leguminosas.
Abstract Adesmia latifolia (Spreng) Vog. presents long establishment and integument hardiness, leading to a non uniform emergence. Therefore, this work aimed at identifying the osmoconditioning effects at field, plots and laboratory conditions on some physiological qualities such as germination final percentage and speed, mean seedling length and raw and dry matter indexes. Osmoconditioned seeds were imbibed for two days in polyethyleneglycol solution (200g/ l)), heated up to 70ºC and afterwards cooled to 20º C. Besides the non-osmoconditioned pattern, seeds were also sown in lines in plots, in a completely randomized blocks design with four replications of 40 seeds each, following a treament with hot water at 60ºC. A. latifolia osmoconditioned seeds showed a superior physiological performance (P<0,05) on germination final percentage and speed, mean seedling length and raw and dry matter indexes in the plots and at the laboratory. Seed osmoconditioning with a heated solution in A. latifolia besides improving seed performance was efficient in overcoming dormancy, therefore there is no need to apply the methods normally employed for legume species.
Contido em Revista Brasileira de Sementes, Brasília. Vol. 24, n.1 (2002), p. 18-23
Assunto Adesmia DC.
Condicionamento osmótico
Dormência
Fisiologia vegetal
Semente
[en] Adesmia latifolia (Spreng.) Vog
[en] Dormancy
[en] Osmoconditioning
[en] Physiological quality
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/23262
Arquivos Descrição Formato
000375184.pdf (38.91Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.