Repositório Digital

A- A A+

"... Se a gente não tem família, não tem vida!" : concepções de famílias de classe popular cuidadoras de pessoa idosa fragilizada

.

"... Se a gente não tem família, não tem vida!" : concepções de famílias de classe popular cuidadoras de pessoa idosa fragilizada

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título "... Se a gente não tem família, não tem vida!" : concepções de famílias de classe popular cuidadoras de pessoa idosa fragilizada
Outro título "If we don’t have family, we don’t have a life"! Conceptions of popular class families caregivers of frail elderly people
Autor Creutzberg, Marion
Santos, Beatriz Regina Lara dos
Resumo Trata-se de pesquisa de cunho qualitativo que teve como objetivo desvelar concepções de famílias de classe popular cuidadoras de pessoa idosa fragilizada no domicílio, relacionadas a aspectos do cuidado ao idoso no contexto familiar. A metodologia utilizada é o Estudo de Caso do Tipo Etnográfico. A coleta de dados foi realizada com Observação Participante e Entrevista com quatro famílias. Através da análise de conteúdo foram identificados quatro temas relacionados às concepções das famílias: o significado de saúde-adoecimento, de família, de velhice e do cuidado ao idoso fragilizado no domicílio.
Abstract This research has a quality input that aims to reveal the concepts of popular class families caregivers of frail elderly people at their home, concerning the aspects that involve the meaning of care taking to the frail elderly in the family context. The methodology used is a case study of the ethnological kind. The data were collected by means of participant observation and interview with four families. Through the data analysis four themes related to the families conceptions were identified: the meaning of health – sicken, the meaning of family, the meaning of old age, the meaning of taking care of a frail elderly family member.
Resumen Se trata de una investigación de carácter calitativo que tiene como metas desvelar las concepciones de familias de clase popular, cuidadoras de persona anciana debilitada en su domicilio, en lo que dice respecto a aspectos que envuelven el significado del cuidado al anciano debilitado en el contexto familiar. El estudio de caso del tipo etnográfico es la metodologia utilizada. Los instrumentos utilizados para la colecta de los datos son la observación participante y la entrevista con cuatro familias. Del tratamiento de los datos, a través del análisis del contenido, fueron identificados cuatro temas relacionados a las concepciones de las familias: significado de salud-enfermedad, significado de familia, significado de vejez, significado de cuidar de miembro anciano debilitado.
Contido em Revista gaúcha de enfermagem. Porto Alegre. Vol. 21, n. especial (2000), p. 101-112
Assunto Enfermagem domiciliar
Enfermagem geriátrica
[en] Elderly
[en] Family care
[en] Frail elderly
[en] Nursing home
[en] Popular class family
[es] Anciano
[es] Anciano débil
[es] Cuidado de enfermería domiciliar
[es] Cuidador familiar
[es] Familia de clase popular
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/23489
Arquivos Descrição Formato
000290494.pdf (39.08Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.