Repositório Digital

A- A A+

Planejamento estratégico e redução da mortalidade infantil : a experiência de Caxias do Sul (RS)

.

Planejamento estratégico e redução da mortalidade infantil : a experiência de Caxias do Sul (RS)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Planejamento estratégico e redução da mortalidade infantil : a experiência de Caxias do Sul (RS)
Outro título Strategic planning and infant mortality reduction : the experience of Caxias do Sul, southern Brazil
Autor Vebber, Rosane de Castro
Mayorga Borges, Paulo Eduardo
Resumo A seguir, foi elaborado plano de ações para cada nó crítico, definidas as operações a serem desenvolvidas, os recursos necessários, bem como responsabilidades, apoio e prazos para sua concretização. O plano foi formatado para cada área de atuação, quer sejam a assistência pré-natal, a atenção ao parto, o acompanhamento da criança e a assistência ao adolescente. O trabalho foi concluído com a análise das motivações dos atores sociais envolvidos, na busca de viabilizar as ações planejadas e possibilitar a execução do plano.
Abstract Infant mortality, an indicator of the population quality of life, has not changed very much in the city of Caxias do Sul in the last years. In spite of the increased availability of resources: health centers, health care services, pediatric and obstetric hospital beds, neonatal intensive care units and pharmaceutical assistance; neonatal mortality remains relatively stable. In 2003, neonatal mortality increased from 13.06/1,000 in 2002 to 15.46/1,000. More than 70% of deaths were considered to be from avoidable causes. This work proposes a plan to neonatal mortality by risk factors management and intervention control of avoidable causes of deaths. The “Strategic Situation Planning” methodology, proposed by Matus, was used to identify the determinants and consequences of infant mortality; and to identify the critical related nodes in the health service process. Based in this analysis an action plan was developed for each critical node including: keyservices, resources requirements, responsibilities, support and an implementation schedule. Each part of the plan: prenatal assistance, perinatal services and delivery, child and adolescent health services was developed principally by the sector responsible for those services. The article concludes with an analysis stake-holders motivation to implement and operationalize the plan.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 25, n. 1/2 (abr./ago. 2005), p. 90-98
Assunto Mortalidade infantil : Caxias do Sul, RS
Planejamento estratégico
[en] Administration and planning in health
[en] Health management
[en] Infant mortality
[en] Strategic planning
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/23533
Arquivos Descrição Formato
000513924.pdf (117.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.