Repositório Digital

A- A A+

O acontecer do cuidado de enfermagem ao ser-criança que convive com aids : ser, saber e fazer compartilhado

.

O acontecer do cuidado de enfermagem ao ser-criança que convive com aids : ser, saber e fazer compartilhado

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O acontecer do cuidado de enfermagem ao ser-criança que convive com aids : ser, saber e fazer compartilhado
Outro título El suceder del cuidado de enfermería al ser-niño que convive con el SIDA: ser, saber y hacer compartido
Outro título Happening of nursery care for the child-being who lives with AIDS: being, knowing and shared doing
Autor Paula, Cristiane Cardoso de
Crossetti, Maria da Graça Oliveira
Resumo Este artigo é resultado de reflexões resultantes da dissertação Encontro de cuidado, vivido e dialogado, da equipe de enfermagem com o ser-criança que convive com AIDS, que objetivou compreender o significado deste cuidado sob o olhar da Teoria de Enfermagem Humanística de Paterson e Zderad. Constituiu-se em um estudo qualitativo-existencial-fenomenológico com análise hermenêutica proposta por Motta e Crossetti, à luz de Ricoeur. Desvelou-se a expressividade do cuidado como: ato de vida; autêntico; encontro vivido e dialogado; necessidade de cuidar de si para abertura ao encontro; maternagem; necessidade de aproximar o mundo do hospital do mundo da criança e atitude de compaixão.
Resumen Este artículo es resultado de reflexiones resultantes de la disertación Encuentro de cuidado, vivido y dialogado, del equipo de enfermería con el ser-niño que convive con el SIDA, que tuvo como objetivo comprender el significado de este cuidado bajo la mirada de la Teoría de Enfermería Humanística de Paterson y Zderad. Se constituyó en un estudio cualitativo-existencial-fenomenológico con análisis hermenéutico propuesto por Motta y Crossetti, bajo la luz de Ricoeur. Se ha desvelado la expresividad del cuidado como: acto de vida; auténtico; encuentro vivido y dialogado; necesidad de cuidar de sí para apertura al encuentro; maternidad; necesidad de acercar el mundo del hospital al mundo del niño y actitud de compasión.
Abstract This article is the result of considerations resulting from the dissertation Meeting of care, lived and dialogued, of the nursing team with the child-being who lives with AIDS, which aimed at understanding the meaning of such care under the look of the Humanistic Nursing Theory of Paterson and Zderad. It is a phenomenologicalexistential and qualitative study with hermeneutic analysis proposed by Motta and Crossetti in the light of Ricouer. The expressiveness of caring was unveiled as: act of life; authentic; the lived and dialogued meeting; need for taking care of oneself as an opening for the meeting; maternity handling; the need of approaching the hospital world to the child‘s world and compassion attitude.
Contido em Revista gaúcha de enfermagem = Revista gaucha de enfermería = Nursing journal of Rio Grande do Sul. Porto Alegre. Vol. 26, n. 1 (abr. 2005), p. 102-114
Assunto Cuidado da criança
Cuidados de enfermagem
Síndrome de imunodeficiência adquirida
Teoria de enfermagem
[en] Acquired immunodeficiency syndrome
[en] Child care
[en] Human
[en] Nursing care
[en] Nursing theory
[es] Cuidado del niño. Cuidados de enfermería. Teoría de enfermería. Síndrome de la inmunodeficiencia adquirida. Humano.
[es] Cuidados de enfermería
[es] Humano
[es] Síndrome de la inmunodeficiencia adquirida
[es] Teoría de enfermería
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/23536
Arquivos Descrição Formato
000479202.pdf (61.87Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.