Repositório Digital

A- A A+

Can psychopharmacological treatment change personality traits in patients with panic disorder?

.

Can psychopharmacological treatment change personality traits in patients with panic disorder?

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Can psychopharmacological treatment change personality traits in patients with panic disorder?
Autor Kipper, Leticia da Cunha
Wachleski, Cláudia
Salum Junior, Giovanni Abrahão
Heldt, Elizeth Paz da Silva
Dreher, Carolina Blaya
Manfro, Gisele Gus
Resumo Objetivo: O objetivo do estudo foi avaliar os efeitos do tratamento psicofarmacológico nos padrões de personalidade em pacientes com transtorno do pânico. Método: Quarenta e sete pacientes com transtorno do pânico e 40 controles foram incluídos no estudo. O Mini International Neuropsychiatric Interview e o Inventário Multifásico Minnesota de Personalidade foram usados para avaliar os diagnósticos do Manual Diagnóstico e Estatístico de Doenças Mentais - Quarta Edição e os traços de personalidade, respectivamente. Os pacientes foram tratados com sertralina por 16 semanas Resultados: Houve uma diminuição significativa nos escores de 8 das 10 escalas do Inventário Multifásico Minnesota de Personalidade. Adicionalmente, os pacientes com transtorno do pânico apresentaram maiores escores de personalidade da tríade neurótica e de psicastenia quando comparados aos controles, mesmo após o tratamento na fase assintomática. Conclusão: Pacientes com transtorno do pânico apresentam um padrão de personalidade neurótico/ansioso na fase assintomática da doença que, mesmo que influenciado pela presença de sintomas agudos, pode ser foco de pesquisa.
Abstract Objective: The aim of this study was to evaluate the effects that a particular psychopharmacological treatment has on personality patterns in patients with panic disorder. Method: Forty-seven patients with panic disorder and 40 controls were included in the study. The Mini International Neuropsychiatric Interview and Minnesota Multiphasic Personality Inventory were used to assess Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders, Fourth Edition, diagnoses and personality traits, respectively. Patients were treated with sertraline for 16 weeks. Results: There was a significant decrease in the score on 8 of the 10 Minnesota Multiphasic Personality Inventory scales. In addition, neurotic triad and psychasthenia personality scores were higher among panic disorder patients, even during the posttreatment asymptomatic phase, than among controls. Conclusion: In the asymptomatic phase of the disease, panic disorder patients present a particular neurotic/anxious personality pattern. This pattern, although altered in the presence of acute symptoms, could be a focus of research.
Contido em Revista brasileira de psiquiatria. São Paulo. Vol. 31, n.4 (dez. 2009), p. 307-313
Assunto Psicofarmacologia
Transtorno de pânico
[en] Panic disorder
[en] Personality
[en] Psychopharmacology
[en] Sertraline
[en] Treatment outcome
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/23962
Arquivos Descrição Formato
000733884.pdf (1.066Mb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.