Repositório Digital

A- A A+

Sentimentos do familiar frente ao tratamento quimioterápico do paciente com câncer colorretal

.

Sentimentos do familiar frente ao tratamento quimioterápico do paciente com câncer colorretal

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sentimentos do familiar frente ao tratamento quimioterápico do paciente com câncer colorretal
Autor Karasek, Gisele
Orientador Gorini, Maria Isabel Pinto Coelho
Data 2009
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Câncer colorretal : Quimioterapia
Enfermagem oncológica
Família
Quimioterapia : Enfermagem
Resumo O câncer colorretal é o quinto tipo de câncer mais incidente no Brasil. Um dos tratamentos adjuvantes para o câncer colorretal é a quimioterapia, agindo de forma sistêmica, e causando uma série de efeitos adversos nos pacientes. A família é o elo entre o paciente e o serviço de saúde, pois possui grande papel no cuidado de seus membros no domicílio. Observa-se, portanto, a necessidade de atenção ao familiar. Este estudo tem como objetivo conhecer os sentimentos do familiar do paciente com câncer colorretal em relação ao tratamento quimioterápico, identificando a impressão do familiar frente aos efeitos adversos da quimioterapia, e descrevendo o perfil sócio-econômico do mesmo. É um estudo exploratório descritivo de cunho qualitativo. Foram entrevistados 15 familiares adultos de pacientes com câncer colorretal. Os dados foram analisados conforme técnica de análise proposta por Bardin (1977). A coleta de informações ocorreu através de entrevistas semi-estruturadas realizadas com familiares de pacientes em tratamento quimioterápico ambulatorial no Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA). O projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética e Pesquisa do mesmo hospital sob o número 09-336. Os achados deste estudo indicam que os familiares referiram diversos sentimentos, entre eles o de apreensão, medo da morte, insegurança, preocupação, enfrentamento, esperança, confiança, entre outros. Os relatos indicam forte mudança no estilo de vida dos familiares pelo cuidado que dispensam ao paciente, principalmente na rotina. Foi possível observar que a doença virou o centro de atenção da vida de grande parte desses familiares.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/24196
Arquivos Descrição Formato
000746278.pdf (469.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.