Repositório Digital

A- A A+

Www.envelhecimentoativo.com.br : a velhice marcada pela cultura da vida ativa

.

Www.envelhecimentoativo.com.br : a velhice marcada pela cultura da vida ativa

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Www.envelhecimentoativo.com.br : a velhice marcada pela cultura da vida ativa
Autor Schmidt, Ilese Maria de Azevedo
Orientador Fraga, Alex Branco
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Curso de Educação Física: Licenciatura.
Assunto Corporeidade
Envelhecimento
Resumo A velhice tem provocado muitos debates envolvendo discursos sobre o corpo, qualidade de vida e saúde. Com base nesses discursos, programas são criados para indicar caminhos que garantam um envelhecimento saudável e feliz. Há uma expectativa social a respeito de como ser e proceder com esse corpo, impondo a ele os mais diversos rituais que supõe garantir uma vida saudável e aceitação plena. Nessa perspectiva, esse trabalho se propõe a compreender como se dá o processo de construção social do corpo, relacionado-o com o envelhecimento, e como a partir desse viés poderemos analisar propostas que surgem na área da Educação Física. Invariavelmente o que encontramos são manuais informativos e posológicos que insistem em tratar, exercitar e manter jovem e saudável esse corpo. Analisaremos as idéias centrais de programas de atividade física propostos para idosos, começando pelo próprio chamamento daqueles que proclamam a cultura da vida ativa a qualquer preço e a responsabilização individual e descontextualizada. Utilizamos como método investigatório a etnografia virtual por possibilitar um estudo rápido e eficaz. Constatamos, nesse espaço de interação e trocas sociais, as propaladas máximas da “velhice ativa e saúde”, “vida ativa e felicidade”, “maturidade ativa”, etc. Os programas são pensados e dirigidos aos idosos. Sobre eles recaem inúmeras fórmulas que garantem uma vida saudável, útil e feliz. Entretanto, os principais interessados, curiosamente, pouco ou nada dizem na construção desses programas. Os idosos têm pouca participação e oportunidade interventiva. Restando indagar se esses programas teriam como principal interessado o próprio idoso. As reflexões apresentadas nesse trabalho buscam demonstrar que a cultura da vida ativa tem determinado as discussões e demandas a respeito do corpo e saúde na velhice, não obstante às reflexões teóricas que se fazem acerca dessa temática.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/24913
Arquivos Descrição Formato
000750189.pdf (241.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.