Repositório Digital

A- A A+

Estudo de pacientes adultos que sofreram quedas do leito em um hospital universitário

.

Estudo de pacientes adultos que sofreram quedas do leito em um hospital universitário

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estudo de pacientes adultos que sofreram quedas do leito em um hospital universitário
Autor Costa, Samara Greice Röpke Faria da
Orientador Almeida, Miriam de Abreu
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Acidentes por quedas : Paciente adulto
Acidentes por quedas : Pacientes hospitalizados : Enfermagem
Diagnóstico de enfermagem
Qualidade dos cuidados de saúde
Resumo O presente estudo teve como objetivos caracterizar o perfil dos pacientes adultos que sofreram quedas do leito quanto ao perfil epidemiológico e fatores de risco no período de dezembro de 2009 a maio de 2010 e identificar os Diagnósticos de Enfermagem (DEs) presentes para esses pacientes. Trata-se de um estudo transversal, descritivo e retrospectivo em que foram analisados instrumentos contendo dados de identificação e fatores de risco de quedas elaborado pelas enfermeiras do Grupo de Indicadores do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), preenchidos pelas mesmas, após notificação de queda via sistema informatizado. Foram incluídas notificações de pacientes adultos das unidades de internação Cirúrgica, Clínica, Psiquiátrica, Unidade de Ambiente Protegido, Centro de Tratamento Intensivo Adulto e Emergência. Excluiu-se os instrumentos com preenchimento incompleto. Para análise dos dados utilizou-se estatística descritiva por meio do programa Sturz 1.4 for Win32 by MukaTec, construído para este projeto. Os aspectos éticos foram respeitados e o projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética da Instituição. Como resultados, pesquisou-se 53 notificações , a maioria das quedas foi registrada em pacientes do sexo masculino com idade igual ou superior a 60 anos, no turno da noite, durante internação clínica, sem dano ou dano que envolveu pouco ou nenhum cuidado. Os pacientes que sofreram quedas apresentaram 35 DEs diferentes. Contudo, não registravam, em sua maioria, o DE Risco de Quedas apesar de evidenciarem uma média de 10 fatores de risco para o mesmo. Os resultados encontrados corroboram dados publicados na literatura mundial. Conhecer as características da população que cai no âmbito hospitalar nos permite identificar indivíduos potencialmente em risco de sofrer uma queda e diante disto estabelecer e implementar estratégias e cuidados para que a mesma não ocorra.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/24928
Arquivos Descrição Formato
000750968.pdf (985.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.