Repositório Digital

A- A A+

Uso de assembleias de peixes como indicadoras de degradação ambiental nos ecossistemas aquáticos do Delta do Rio Jacuí, RS

.

Uso de assembleias de peixes como indicadoras de degradação ambiental nos ecossistemas aquáticos do Delta do Rio Jacuí, RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Uso de assembleias de peixes como indicadoras de degradação ambiental nos ecossistemas aquáticos do Delta do Rio Jacuí, RS
Autor Dufech, Ana Paula Sassanovicz
Orientador Fialho, Clarice Bernhardt
Data 2009
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Biociências. Programa de Pós-Graduação em Biologia Animal.
Assunto Degradação ambiental
Jacuí, Rio, Delta (RS)
Peixes
Resumo As características estruturais e funcionais das comunidades aquáticas respondem às oscilações ambientais em diferentes escalas espaciais e temporais e também aos impactos antropogênicos. Os peixes são considerados excelentes indicadores da condição ou da saúde dos ecossistemas e são utilizados para avaliar os efeitos de diferentes tipos de estressores ambientais ou pressões sobre as assembléias de peixes, ou para avaliar um impacto específico utilizando uma única espécie. Este trabalho teve por objetivos testar a eficiência de diferentes metodologias na avaliação de degradação ambiental na região do Delta do rio Jacuí, RS. Para tanto, diferentes ferramentas foram utilizadas nesta avaliação, como a análise de parâmetros físico-químicos da água, variações quali-quantitativas na estrutura das assembléias de peixes, índices ecológicos (índices de diversidade, índice de qualidade integrado e índice de integridade biótica), análise da frequência de anomalias morfológicas e de parasitos, variações na alimentação e reprodução de duas espécies de peixes e análise histológica de gônadas. Este estudo foi desenvolvido em oito pontos de amostragem ao longo do Delta do Jacuí. O Delta localiza-se na região metropolitana de Porto Alegre, no estado do Rio Grande do Sul, e sofre com diferentes tipos de impactos, sendo os principais o despejo de esgotos domésticos e industriais. Através da classificação da qualidade da água do Delta do rio Jacuí, de acordo com a resolução 357 do CONAMA e demais análises, os pontos localizados nos rios formadores, exceto aquele situado no rio dos Sinos, apresentaram uma melhor qualidade em suas águas. Estes resultados são corroborados com as demais análises realizadas neste trabalho. Entre as variáveis ambientais consideradas, a temperatura da água, temperatura do ar, DBO, condutividade e a turbidez desempenharam um papel importante na estruturação das assembléias de peixes do Delta do rio Jacuí. Os métodos utilizados neste estudo mostraram-se eficientes, na maioria dos casos, para determinar locais de maior ou menor qualidade ambiental. Foram observadas variações na riqueza, nos índices ecológicos, em aspectos reprodutivos e alimentares, até variações a nível celular, através da análise histológica das gônadas. Não houve casualidade na ocorrência de anomalias morfológicas nas assembléias de peixes do Delta do rio Jacuí, sendo as maiores frequências observadas nos pontos DJ08, DJ02 e DJ07. Porém foi nos pontos DJ04, DJ06 e DJ08 que o teste Qui-Quadrado apresentou resultados significativos. A análise de anomalias morfológicas mostrou-se um instrumento valioso para a avaliação de impacto ambiental, assim como a análise da presença de parasitos. Os resultados do Índice de Integridade Biótica calculado neste estudo classificam os ambientes analisados como de qualidade boa a muito pobre. Para a região do Delta do Jacuí, a adaptação do IIB pareceu refletir eficientemente a classificação da condição ambiental dos trechos estudados. As diferentes ações antrópicas sofridas no Delta do rio Jacuí, RS foram responsáveis por alterações na dieta das espécies de peixes estudadas. Foi possível perceber também a grande plasticidade alimentar de Cyanocharax alburnus e Gymnogeophagus gymnogenys, que alteraram suas dietas de acordo com o alimento disponível em cada ambiente. Através da análise histopatológica das gônadas destas mesmas espécies foram observadas diversas alterações, todas elas presentes somente em gônadas femininas de ambas as espécies. A presença de variações histopatológicas indica que os peixes podem responder a efeitos diretos de contaminantes como também a efeitos secundários causados por estresse. Podese concluir que as assembléias de peixes do Delta do rio Jacuí são afetadas pelos mais variados impactos sofridos na região. O uso de diferentes metodologias para a avaliação de qualidade ambiental mostrou-se extremamente importantes, pois geram uma gama de informações bastante ampla, permitindo que se possa inferir com maior certeza sobre a atual situação do ecossistema.
Abstract Structural and functional characteristics of aquatic communities respond to environmental variations in different spatial and temporal scales and also to anthropogenic impacts. Fishes are considered excellent indicators of ecosystems health or condition. They are used to assess the effects of different types of environmental stressors or pressures upon fish assemblages, or to evaluate a specific impact on a single species. This study aimed to test the efficiency of different methodologies to evaluate environmental degradation in the Delta do rio Jacuí, RS. Different tools were used to this assessment such as the analysis of the physical and chemical parameters of the water, quali-quantitative variations on fish assemblage structure, ecological indices (diversity index, integrated quality index, and index of biotic integrity), morphological abnormalities and parasite frequency analysis, variations on feeding and reproduction of two fish species and histological analysis of gonads. This study was carried along eight sampling sites in Delta do rio Jacuí, within the metropolitan area of Porto Alegre, in the Rio Grande do Sul State. The area is affected by different kinds of impacts, mainly domestic and industrial sewage. The best water quality was found in the sampling sites located in those rivers which form the Delta except rio dos Sinos according to water classification analysis and CONAMA’s 357 resolution and other analysis. These results are corroborated by the other analysis presented in this study. Water and air temperature, DBO, conductivity, and turbidity had an important role in fish assemblage structure in the Delta do rio Jacuí. The methods applied in this study were efficient to determine high and low environmental quality sites in most cases. Variations in richness, ecological indices, reproductive and feeding aspects, at cell level through histological analysis of the gonads, were observed. There were no casualties in the occurrence of morphological abnormalities in fish assemblages of the Delta do rio Jacuí. Highest frequencies were observed at sites DJ08, DJ02 and DJ07 although significant results through chi-square test were obtained to the sites DJ04, DJ06 and DJ08. Morphological abnormalities analysis showed to be a valuable tool for environmental impact assessment as well as the analysis of parasite occurrence. Results to the Index of Biotic Integrity in this study classify the analyzed environments between good and very poor quality. The use and adaptation of this index seemed to reflect efficiently the environmental condition of the sampling sites in the area of Delta do Jacuí. The different anthropogenic impacts in the Delta do Jacuí were responsible for alterations in the diet of the fish species studied. It was also possible to note the high feeding plasticity of Cyanocharax alburnus and Gymnogeophagus gymnogenys, which has shifted their diets according to the available food item in each environment. Many alterations in female’s ovaries of these species were observed through histopathological analysis. The presence of histopathological variations may indicate that fish respond to direct effect of contaminants as well as secondary effects caused by stress. Finally, fish assemblages from Delta do rio Jacuí are affected by many impacts from the surroundings. The use of different methods to evaluate environmental quality showed to be very important, providing a wide range of information allowing inferring more precisely about the current ecosystem situation.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/25141
Arquivos Descrição Formato
000742261.pdf (6.958Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.