Repositório Digital

A- A A+

Sentimentos das mães de recém-nascidos prematuros : implicações para a enfermagem

.

Sentimentos das mães de recém-nascidos prematuros : implicações para a enfermagem

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Sentimentos das mães de recém-nascidos prematuros : implicações para a enfermagem
Autor Fraga, Iara Teresinha da Gama
Orientador Pedro, Eva Néri Rubim
Data 2002
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Programa de Pós-Graduação em Enfermagem.
Assunto Prematuro : Mães : Enfermagem
Resumo O presente estudo aborda os sentimentos das mães de recém-nascido prematuro internado em Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN). O objetivo do estudo é: Conhecer os sentimentos das mães em relação ao bebê prematuro internado em um hospital com a finalidade dc propiciar o desenvolvimento dc um cuidado mais efetivo ao binômio mãe-filho. O estudo desenvolveu-se nos meses de outubro e novembro de 200 1. A coleta das informações se deu por meio de uma entrevista semi-estruturada. A questão norteadora do estudo é: Como você se sente tendo seu filho internado em uma UII Neonatal? Trata-se de um estudo de cunho qualitativo do tipo estudo de caso, realizado na UTI Neonatal do Complexo Hospitalar Santa Casa de Porto Alegre/RS. Foram in\"estigadas 20 mães de bebês prematuros com idade gestacional entre 31 e 36 semanas, classificados como moderadamente prematuros. Nas análise dos dados foi Ulilizada técnica de Análise de Conteúdo de Bardin. Emergiram dos relatos das mães duas categorias denominados SENTIMENTOS subcategoria s: PERCEPÇÕES INIClAlS, e ACONTECIMENTOS, e cinco PERCEPÇÕES POSTERIORES, SEPARAÇÀO MÃE-BEBÊ, TRATAMENTO E ASPECTO FÍSICO DO RN. Ao ténnino do esrudo, os resultados remetem a uma reflexão para a prática do cuidado ao binômio mãe/bêbê, além de vislumbrar a necessidade de aprofundamento de conteúdos sobre sentimentos e emoções capazes de aprimorar a assistência.
Abstract The present study approaches the feelings of mothers with premature newbom babics recciving (rcatment at (he neonatal intensive care uni!. The goals are: to identify the feelings of mothers with premature babies in treatment at a hospital and provide the deve!opment of more humane care to the mother-child binemial. The guiding question of the study is the following: how do you feel having your baby being treated at the neonatal intesive care unit? This is a qualitative case study conducted at Santa Casa Hospital Complex, Porto AlegrelRS. 20 mothers of premature babies were interviewed, the babies' ages ranged from 31 to 36 weeks, classified as moderately premature. The study was carried out in the months of October and November, 2001. Data collection was achieved by means of semi-structured interviews containing one question only. For data analys is, Bardin's analysis of content was used. Two categories emerged from the mothers' reports: FEELINGS ANO EVENTS; along with five sllbcategories: EARL Y PERCEPTIONS, LA TER PERCEPTIONS, MOTHER ANO CHILD'S SEPARA TION, TREATMENT and NEWBORN BABY'S PHYSICAL ASPECT. Upon stlldy completion, tbe reslllts indicate a reflection on care procedures to the mother and baby binomial, in addition to conjecturing the urge of further knowledge on feelings and ,motions able to improve health care.
Resumen El presente estudio aborda el sentimiento de las madres de recién nascido prematuro internado em Unidad dc Terápia Intensiva Neonatal (UTIN). Los objetivos so n: Conocer los sentimientos de las madres de los bebes prematuros internados em um hospital y propiciar el dcsenvolvimiento de um cuidado más humanizado ao binomio mad re-hijo. La cuestión norteadora dei estudio es: Cómo se siente usted teniendo a su hijo internado em la UTI Neonataj') Se trata de um estudio cualitativo dei tipo de estudio de caso, realizado en la UII Neonatal dei Complejo Hospitalar de la Santa Casa de Porto Alegre/RS . Fueron investigadas 20 madres de bebes prematuros con edad gestac ional entre 31 y 36 semanas, clasificados como moderadamente prematuros. El estudio se desenvolvió em los meses de octubre y noviembre de 2001. La colecta de las ulformaciones se dió por medio de uma entrevista semiestructurada conteniendo apenas uma pregunta. Para el análisis de los datos fue utilizada la técnica dc Análisis de contenido de Bardin. Emergieron de los relatos de las madres dos categorías denominada SENTIMIENTOS y ACONTECIMIENTOS, Y cinco subcategorías: PERCEPCIONES INICIALES, PERCEPCIONES POSTERIORES, SEPARACIÓN MAMÁ-BEBE, TRATAMIENIO y ASPECTO FÍSICO DEL RN. Cuando se término d estudio, los resultados remiten a uma reflexión para la práctica dei cuidado ai Dinómio mama-bebe, además de vislumbrar la necesidad de profundizar los contenidos sobre sentimientos y emociones capaces de aprimorar la existencia.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/25298
Arquivos Descrição Formato
000331110.pdf (15.48Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.