Repositório Digital

A- A A+

Taxonomia Pavitt : uma aplicação ao setor externo do Brasil e do Rio Grande do Sul no período de 1996 a 2009

.

Taxonomia Pavitt : uma aplicação ao setor externo do Brasil e do Rio Grande do Sul no período de 1996 a 2009

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Taxonomia Pavitt : uma aplicação ao setor externo do Brasil e do Rio Grande do Sul no período de 1996 a 2009
Autor Nunes, Marivia de Aguiar
Orientador Portugal, Marcelo Savino
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Brasil
Comércio exterior
Exportação
Importação
Rio Grande do Sul
Tecnologia
[en] Foreign trade
[en] Technology
Resumo Este estudo busca mensurar o conteúdo tecnológico das exportações e importações do Brasil e do Estado do Rio Grande do Sul no período de 1996 a 2009. Para tanto, será utilizada a Taxonomia desenvolvida por Keith Pavitt (1984) para classificar setorialmente as exportações e importações brasileiras segundo seu teor tecnológico. Após a aplicação da Taxonomia Pavitt, a principal conclusão obtida para o Brasil foi que sua pauta de exportações é composta principalmente por itens de baixo conteúdo tecnológico – essencialmente produtos primários agrícolas, da indústria agroalimentar, da indústria intensiva em trabalho e da indústria intensiva em escala. Somente nos anos de 2000 e 2001 observou-se a exportação um pouco mais significativa de produtos da indústria intensiva em P&D. Além disso, a partir de 2005 percebeu-se uma maior concentração de produtos primários agrícolas e de itens da indústria intensiva em escala na pauta exportadora brasileira. Quanto aos itens importados, observou-se uma demanda composta por produtos da indústria intensiva em escala, fornecedores especializados e da indústria intensiva em P&D, sendo que a partir de 2004 os produtos primários energéticos também passaram a responder de maneira significativa nas importações do Brasil. No caso do Rio Grande do Sul, assim como no do Brasil, os principais itens exportados eram produtos primários agrícolas, da indústria agroalimentar, da indústria intensiva em trabalho e da indústria intensiva em escala. Já as importações se caracterizaram por uma demanda bastante heterogênea ao longo do período analisado neste estudo. Contudo, a partir de 2000 foi possível perceber que os produtos primários energéticos passaram a ocupar uma posição de destaque nas compras externas do Rio Grande do Sul.
Abstract This paper measures the technological contents of Brazil’s and Rio Grande do Sul’s state exports and imports from 1996 to 2009. In order to do so, the taxonomy developed by Keith Pavitt (1984) to classify Brazilian exports and imports by sector is adopted. After the use of the Pavitt Taxonomy we concluded the Brazilian export basket includes mainly agricultural primary products, products from the agrofood industry, from labour-intensive industries, and scale intensive industries. Only during years 2000 and 2001 the country’s exports presented a higher participation of products from R&D-intensive industries. Moreover, since 2005 the export basket has shown higher participation of agricultural primary products and scale-intensive industries products. Regarding the imports, its demand has shown significant participation of scale-intensive industries products, specialized suppliers and R&D-intensive industries products, with an increase in the participation of energy products from 2004 on. As of Rio Grande do Sul, like Brazil, its exports are mainly of agricultural primary products, agrofood industry products, labour-intensive industries produtcs and scale-intensive industries products. However, the state’s imports presented a heterogeneous demand throughout the period of analysis. Nonetheless, as of 2000 energy products presented higher participation in the state’s foreign purchases.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/25420
Arquivos Descrição Formato
000750898.pdf (658.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.