Repositório Digital

A- A A+

Redes sociais e a mobilização pró-cotas na UFRGS

.

Redes sociais e a mobilização pró-cotas na UFRGS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Redes sociais e a mobilização pró-cotas na UFRGS
Autor Prolo, Felipe
Orientador Anjos, José Carlos Gomes dos
Data 2008
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de Ciências Sociais: Bacharelado.
Assunto Cotas
Redes sociais
[en] Action-set
[en] Affirmative actions
[en] Quota
[en] Social networks
Resumo Este estudo tem como foco a ação de um conjunto intitulado como GT de Ações Afirmativas, com relação ao debate sobre uma implementação de um sistema de cotas no concurso para ingressar na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Este agrupamento não apenas promoveu debates, como também se mobilizou, junto com outros atores, para exercer pressão política sobre a Comunidade Acadêmica, e principalmente sobre o Conselho Universitário (CONSUN) (a instância encarregada de tomar uma decisão deste tipo), já que se posicionou a favor das políticas de ações afirmativas. Partindo da teoria de análise de redes sociais, a pesquisa envolveu a identificação dos laços ativados pelos participantes deste conjunto, bem como a natureza e a motivação destes vínculos, no sentido de mapear esta rede que se estabeleceu, o que demonstra como este processo de mobilização ocorreu até a data da aprovação do sistema de cotas para o vestibular da universidade, em 2007.
Abstract This study focuses on the action of a group called GT of Affirmative Actions, regarding the debate about an implementation of a quota system in the competition to enter in the Federal University of Rio Grande do Sul. This gathering not only organized discussions, but also mobilized itself, together with other actors, to exert political pressure on the academic community, and especially on the University Council (CONSUN) (which is the body entrusted to take such a decision) as it positioned itself in favor of policies of affirmative actions. Starting from the theory of social networks analysis, the research involved the identification of links enabled by the participants of this set, and the nature and motivation of these ties in order to map this network that was established, which demonstrates how this process of mobilization occurred until the date of adoption of a quota system for college entrance of the university, in 2007.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/26019
Arquivos Descrição Formato
000744532.pdf (262.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.