Repositório Digital

A- A A+

Situação diagnóstico-terapêutica da tuberculose pulmonar em uma unidade sanitária referência para a doença em Porto Alegre - RS

.

Situação diagnóstico-terapêutica da tuberculose pulmonar em uma unidade sanitária referência para a doença em Porto Alegre - RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Situação diagnóstico-terapêutica da tuberculose pulmonar em uma unidade sanitária referência para a doença em Porto Alegre - RS
Autor Paiva, Verônica da Silva
Orientador Moreira, José da Silva
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Pneumologia.
Assunto Epidemiologia
Porto Alegre (RS)
Tuberculose pulmonar
[en] Diagnosis
[en] Pulmonary tuberculosis
[en] Treatment
Resumo Introdução: A tuberculose, nos dias atuais, tem diagnóstico efetuado de modo preciso, em bases etiológicas, através da microbiologia; pode ser prevenido, o tratamento é específico e altamente efetivo em condições ideais. Todavia, diversos problemas ocorrem na condução rotineira dos casos, o que implica em sérios prejuízos para a população, podendo-se observar elevadas taxas de morbimortalidade pela doença, em especial nos países menos desenvolvidos. Objetivos: Estudar uma série de pacientes que tiveram o diagnóstico de tuberculose pulmonar, e que foram tratados em uma Unidade Sanitária especializada de Porto Alegre (RS), relacionando os desfechos (cura/não cura) com variáveis diversas: situação bacteriológica inicial dos casos (bacilíferos e não-bacilíferos), dados demográficos, coinfecção pelo HIV, e alcoolismo. Métodos: Foi arrolada uma série de pacientes consecutivos com o diagnóstico de tuberculose pulmonar (microbiológicamente comprovada ou não), os quais foram tratados basicamente com Rifampicina, Isoniazida e Pirazinamida – RHZ, de junho de 2005 a junho de 2007. Casos tuberculose extrapulmonar, de mudança de diagnóstico, transferência, e com dados incompletos, foram excluídos. Os desfechos considerados foram “cura” e “não cura” (esta por abandono ou óbito). Os dados foram coletados nos Prontuários e Fichas (SINAN-TB). Os programas EXCEL e SPSS foram usados para tabulação e tratamento estatístico dos dados. Resultados: De 292 casos de tuberculose, em geral, 117 (40,0%) tinham formas extrapulmonares da doença, e 175 (60,0%) eram casos de tuberculose pulmonar, 131 (74,8%) dos quais microbiologicamente confirmados (123 por bacterioscopia, 8 por cultura do escarro), e 44 (25,2%) sem confirmação. Dos 175 pacientes, 60,0% eram homens, 69,0% brancos, 84,0% com idade entre 20 e 59 anos, e 61,1% com escolaridade de 1º e 2º graus; 16,6% eram alcoolistas, e de 166 que foram testados, 42,7% eram HIV+. “Cura” ocorreu em 133 (76,0%) pacientes, 95 (71,4%) dos quais haviam tido confirmação bacteriológica. “Não cura” verificou-se em 42 (24,0%) pacientes, 37 deles por abandono do tratamento (33 dos quais, sendo de casos microbiologicamente confirmados – 21,1% de 131). Conclusões: O número de casos de tuberculose pulmonar excedeu o de outras formas da doença. O desfecho CURA ocorreu em 76,0% dos 175 pacientes com tuberculose pulmonar; a NÃO CURA associou-se significativamente com a presença de HIV+ (X2=30 P 0,001) e com os níveis mais baixos de escolaridade (X2 = 21,18 P < 0, 001). Condição bacteriológica inicial (X2=1,63 P=0,44), sexo (X2 = 0,67 P = 0,71), faixas etárias (X2 = 7,5 P = 0, 27) e hábito alcoólico (X2 = 1,6 P = 0,43) não se revelaram significativamente relacionados com os desfechos.
Abstract Introduction: Tuberculosis, today, has a right diagnosis in microbiologic grounds; it may be prevented , and its treatment is specific and effective in ideal conditions. However, several troubles may occur in daily conduction of the clinical cases, resulting in serious consequences to the population, as raised morbidity and mortality taxes, mainly in under developed countries. Objectives: To study a series of patients with diagnosis of pulmonary tuberculosis, who were treated in a Sanitary Unity, reference for the disease, in Porto Alegre (RS-Brazil), aiming to relate outcomes “cure” and “no cure” to variables as initial bacteriological situation (presence of the tubercle bacillus or not), demographic data, association to HIV and alcoholic habits. Methods: A series of consecutive patients with diagnosis of pulmonary tuberculosis (microbiologically proved or not), who were treated basically with Riphampicin, Isoniazid and Pyrazinamide from june/2005 to june/2007, were enrolled. Cases of extra-pulmonary tuberculosis change of diagnosis, transference, and those with non complete data, were excluded. The outcomes were “cure” and “no cure” (by desertion or death). Data were collected from the charts (SINAN-TB). The programs EXCEL and SPSS were used for classification and statistical treatment of the data. Results: Of 292 cases of tuberculosis, 117 (40.0%) had extra pulmonary forms of the disease, and 175 (60,0%) were cases of pulmonary tuberculosis, 131 (74,8%) of them microbiologically confirmed (123 by bacterioscopy, 8 by culture of sputum), and 44 (25,2%) were not confirmed. There were 60.0% of males, 69.0% white, 84.0% with 20-59 years, and 61.1% with primary or secondary school completed. Of all 175 patients, 16.6% had alcoholic habits, and of 166 patients that were tested, 42.7% were HIV+. “Cure” occurred in 133 (76.0%) patients, 95 of them with bacteriological confirmation. “Non cure” occurred in 42 patientes (24.0%), 37 of them by desertion of the treatment (33 of which were cases microbiologically confirmed – 21.1% of 131). Conclusions: The number of pulmonary tuberculosis cases exceeded the non pulmonary forms of the disease. “Cure” occurred 76.0 of 175 patients with pulmonary tuberculosis.IIt was observed significant association between the outcome “non cure” of pulmonary tuberculosis patients with HIV presence (X2=30 P 0,001) and with lower school levels (X2 = 21,18 P < 0, 001). Initial bacteriological condition (X2=1,63/P=0,44), sex (X2 = 0,67/P = 0,71), age (X2 = 7,5 /P = 0, 27) and alcoholic habits (X2 = 1,6 P = 0,43) were not significantly related to outcomes.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/26120
Arquivos Descrição Formato
000756069.pdf (218.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.