Repositório Digital

A- A A+

Prevalência de doenças oportunistas em biópsias de linfonodos periféricos de pacientes com infecção pelo HIV

.

Prevalência de doenças oportunistas em biópsias de linfonodos periféricos de pacientes com infecção pelo HIV

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Prevalência de doenças oportunistas em biópsias de linfonodos periféricos de pacientes com infecção pelo HIV
Autor Ramos, Carina Guedes
Orientador Goldani, Luciano Zubaran
Data 2010
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Biópsia
Doenças linfáticas
Infecções oportunistas relacionadas com a Aids
Infecções por HIV
Linfonodos
Prevalência
[en] Biopsy
[en] HIV
[en] Lymphadenopathy
[en] Lymph node
Resumo Linfadenopatia pode estar presente em qualquer fase da infecção pelo HIV a apresenta uma variedade de diagnósticos diferenciais possíveis, desde manifestações secundárias ao próprio HIV até doenças oportunistas ou neoplasias. Foi realizado um estudo de corte transversal de pacientes que realizaram biópsias de linfonodo periférico no Hospital de Clínicas de Porto Alegre entre Janeiro de 2004 a Dezembro de 2008. Foram realizadas 210 biópsias, 131 (61,9%) pacientes eram do sexo masculino, a mediana da idade foi 36 (18-74) anos e da contagem de CD4 149 (1-756) cels/mm3. Cento e seis (50,5%) biópsias foram realizadas na região cervical. Os diagnósticos mais prevalentes incluíram micobacteriose 105 casos (50,2%) sendo que mais de 90% dos casos foram tuberculose; hiperplasia reacional (HR) 48 casos (22,7%), linfoma 19 casos (9,0%) e micoses sistêmicas 12 casos (5,7%) que incluíram a histoplasmose, paracoccidioidomicose e criptococose. Esse estudo demonstra que a biópsia de linfonodos periféricos em pacientes com infecção pelo HIV é uma importante ferramenta no diagnóstico de doenças oportunistas no nosso meio.
Abstract Peripheral lymphadenopathy is commonly present in HIV- infected patients and has a wide spectrum of differential diagnoses. We performed a cross-sectional study of peripheral lymph node biopsies performed from 2004 to 2008 in HIV patients assisted in a public hospital in Southern Brazil. Two hundred and ten biopsies were performed, 131(61.9%) patients were male, median of age was 36 years old with a mean of lymphocyte CD4 count of 149 (1-756) cells/mm3. Most of biopsies were performed in the cervical site 106 (50.5%). The most prevalent diagnosis were mycobacteriosis 105 (50.2%), more than 90% was tuberculosis; reactive follicular hyperplasia 48 (22.7%); lymphoma 19 (9.0%); systemic mycosis 12 (5.7%), including histoplasmosis, paracoccidioidomycosis and cryptococcosis. Peripheral lymph node biopsy is a useful tool to diagnose opportunistic diseases such as mycobacteriosis, HIV related malignancies and invasive fungal infections in HIV-infected patients.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/26134
Arquivos Descrição Formato
000756983.pdf (194.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.