Repositório Digital

A- A A+

Acidente com lonômia : tratamento com soro antilonômico e insuficiência renal aguda

.

Acidente com lonômia : tratamento com soro antilonômico e insuficiência renal aguda

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Acidente com lonômia : tratamento com soro antilonômico e insuficiência renal aguda
Autor Walter, Gisela Marlise
Orientador Gonçalves, Luiz Felipe Santos
Data 1999
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas: Nefrologia.
Assunto Envenenamento
Insuficiência renal aguda
Lepidópteros
Soro
Resumo Com o objetivo de avaliar o uso do soro anti-lonomia e estudar a prevalência de IRA e seus fatores de risco selecionou-se 134 pacientes com acidentes por lonomia que preenchessem os seguintes critérios: tempo de exposição a peçonha e o atendimento hospitalar maior ou igual a 10 horas e menor ou igual a 36 horas e tempo de coagulação incoagulável. Estes 134 pacientes foram então distribuídos em quatro grupos de tratamentos: Grupo SAL 38 (28,4%) Grupo SAL+EACA 18 (13,4%) Grupo EACA 19(14,2%) e o Grupo Não Tratado 59 (44,0%). Analisou-se as características da amostra quanto ao sexo, idade, estágio, ocorrência de IRA e óbitos. Quanto ao sexo a distribuição foi uniforme com predomínio de sexo masculino; a idade sem diferença estatística na amostra, mostrou uma população de adultos jovens, que se deve a maioria da população ser da zona rural e os homens se dedicarem à agricultura. Quanto ao estágio que traduz o envolvimento clínico, não se encontrou diferenças significativas entre os grupos de tratamento. A prevalência de IRA foi de 6%, também não havendo diferença significativa entre os diferentes grupos. Em relação ao número de óbitos, registrou-se dois óbitos, um no grupo EACA e um no grupo não tratado. As variáveis bioquímicas da coagulação sanguínea e da função renal, que reproduzem alterações no momento da admissão hospitalar, não evidenciaram qualquer diferença estatisticamente significativa entre os grupos de tratamento. Analisou-se a influência dos diversos tratamentos sobre os grupos estudados, utilizando-se o desfecho tempo de normalização da coagulação e o tempo de internação (em dias), onde observou-se que o grupo tratado com SAL isoladamente ou associado mostrou um período de tempo significativamente inferior para atingir os valores padrões da coagulação (0,5 dias ou 12 horas para o grupo SAL e SAL+EACA enquanto o grupo tratado com EACA e Não Tratado 2 dias ou 48 horas;P0,001) e também um tempo inferior no período de internação (3 dias para o grupo tratado com SAL e 3,5 dias para o grupo SAL+EACA enquanto o grupo tratado com EACA e Não Tratado 5 dias;P0,010). Os fatores de risco para o desenvolvimento de IRA foram: idade acima de 40 anos (RR=22,1 e P0,001) alterações hemorrágicas (RR= 7,34 P=0,023) estágio 2 (RR42,3 P0,001) e hematúria (RR=39,90 P0,001). Concluiu-se que o uso de SAL acelerou a normalização da coagulação e reduziu o período de hospitalização. A prevalência de IRA foi de 6% e os fatores de risco encontrados foram: idade acima de 40 anos, alterações hemorrágicas, estágio 2 e hematúria.
Abstract The purpose of the following study is to evaluate the use of antilonomic Serum and analyze the prevalence of ARF and its risk factors, when 134 patients were selected with envenoming by the contact with Ionomia caterpillars which included the following criteria: the time of contact and the time the patient was seen in hospital had to be larger or equal to ten hours and smaller or equal to 36 hours and the blood can not be coagulated. These 134 patients were then divided into four groups of treatment: Antilonomic serum Group 38 (28.4%), Antilonomic serum + EACA Group 18 (13.4%), EACA Group 19 (14.2%) and Untreated Group 59 (44.0%). The aspects of the sample were analyzed considering the sex, age, degree of envolvement, prevalence of ARF and death. Related to gender the distribution was the same, however, there was a predominance of male in the groups. The age did not show any statistical difference in the sample. It presented a young adult group, most of them coming from the country side and also are rural workers. Regarding to the degree of clinical envolvement, no difference was found among the treated groups. The ARF prevalence was 6% and no statistical difference was shown among the groups. Concerning to death numbers, two cases were found, one in EACA group, and one untreated group. The biochemistry variables of blood coagulation and of the kidney funtion, which reproduce alterations in the moment of hospital admission, kid not present any statistical significant difference among the groups. The influence of differents treatments among the studied groups were Analized, considering the time which was necessary to reach a normalization in the coagulation and the time thal patients stayed in hospital (in days), and it could be observed that the group treated with Antilonomic serum, only or associated, showed a relatively shorter period of time to reach the pattern values of coagulation (Antilonomic serum Group and Antilonomic serum + EACA Group 0.5 days or 12 hours and EACA group or entreated Group 2.0 days or 48 hours P0,001) and also a shorter period of time of hospital stayind (Antilonomic serum Group 3.0 days and Antilonomic serum + EACA Group 3.5 days and EACA Group and untreated 5.0 days P0,010). The risk factors to ARF development were: age over fourty years (RR=22,1 and P0,001), hemorrhagic disorders (RR=7,34 P=0,023) degree of clinical envolvement 2 (RR=42,3 P0,001) and hematuria (RR=39,90 P0,001). Considering all the study it was concluded that the use of SAL accelerated the normalization of coagulation and reduced the period in hospital. The prevalence of ARF was 6% and the risk factors were: age over 40 years, hemorrhagic disorders, degree of clinical envolvemente two and hematuria.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/26141
Arquivos Descrição Formato
000757159.pdf (168.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.