Repositório Digital

A- A A+

Palinologia do Morro do Papaléo, Marian Pimentel (permiano inferior, bacia do Paraná), Rio Grande do Sul, Brasil

.

Palinologia do Morro do Papaléo, Marian Pimentel (permiano inferior, bacia do Paraná), Rio Grande do Sul, Brasil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Palinologia do Morro do Papaléo, Marian Pimentel (permiano inferior, bacia do Paraná), Rio Grande do Sul, Brasil
Outro título Palynology of the Morro do Papaléo, Mariana Pimentel (lower permian, Paraná Basin), Rio Grande do Sul,Brazil
Autor Smaniotto, Larissa Paludo
Fischer, Tiago V.
Souza, Paulo Alves de
Iannuzzi, Roberto
Resumo Este trabalho apresenta os resultados da análise palinológica de níveis do Subgrupo Itararé e da Formação Rio Bonito na localidade do Morro do Papaléo, município de Mariana Pimentel, Rio Grande do Sul. As palinofloras registradas são relativamente abundantes e diversificadas, tendo sido identificadas 20 espécies de esporos, 13 de grãos de pólen, 5 de espécies microplânctonicas, além de táxons atribuídos a fungos. Dentre os esporomorfos, 3 espécies são inéditas para a porção brasileira da bacia do Paraná: Horriditriletes gondwanensis (Tiwari & Moiz) Foster, Horriditriletes superbus (Foster) Césari, Archangelsky & Seoane e Brazilea helby forma gregata Foster. As palinofloras correspondem à Subzona Protohaploxypinus goraiensis, base da Zona Vittatina costabilis, pela presença de espécies diagnósticas (Protohaploxypinus goraiensis, P. limpidus e Illinites unicus), com posicionamento na base do Permiano (Asseliano/Sakmariano). A presença de espécies microplanctônicas (Brazilea, Leiosphaeridia, Quadrisporites e Tetraporina), que ocorrem de forma diferenciada em ambas as unidades, bem como as relações percentuais entre os grupos da matéria orgânica particulada permitem a proposição de ambiente marinho raso e/ou transicional com influência marinha para o Subgrupo Itararé e ambiente lacustre e/ou pantanoso para a Formação Rio Bonito, corroborando dados litofaciológicos e paleontológicos prévios.
Abstract This paper presents the main palynological results from different levels of the Itararé Subgroup and the Rio Bonito Formation, in the Morro Papaléo outcrop, Mariana Pimentel Municipality, Rio Grande do Sul. Palynofloras recovered are relatively abundant and diversified. Twenty species of spores, thirteen of pollen grains, and five of microplanktonic species, as well as several taxa assigned to fungi were identified. Three sporomorphs are recorded for the first time to the Brazilian Paraná Basin: Horriditriletes gondwanensis (Tiwari & Moiz) Foster, Horriditriletes superbus (Foster) Césari, Archangelsky & Seoane and Brazilea helby forma gregata Foster. Based on the presence of guide species (e.g., Protohaploxypinus goraiensis, P. limpidus and Illinites unicus), the palynofloras are attributed to the Protohaploxypinus goraiensis Subzone, base of the Vittatina costabilis Zone, which is considered as Early Permian (Asselian/Sakmarian) in age. The occurrence of microplanktonic species (Brazilea, Leiosphaeridia, Quadrisporites and Tetraporina), which occur indistinctly in both units, as well as quantitative relations between the groups of the particulate organic matter, allow to suggest a shallow marine and/or marine-influenced transitional environment to the Itararé Subgroup and a lacustrine and/or swampy environment to the Rio Bonito Formation, corroborating previous lithofaciological and paleontological results.
Contido em Revista brasileira de paleontologia. Vol. 9, n. 3 (set./dez. 2006), p. 311-322
Assunto Formacao rio bonito
Palinologia : Subgrupo Itararé
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/26208
Arquivos Descrição Formato
000586311.pdf (10.50Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.