Repositório Digital

A- A A+

Desenvolvimento de competências no Banco do Brasil : um estudo de caso na Agência Carambei

.

Desenvolvimento de competências no Banco do Brasil : um estudo de caso na Agência Carambei

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Desenvolvimento de competências no Banco do Brasil : um estudo de caso na Agência Carambei
Autor Pontes, Durvina Maria Guimarães de
Orientador Pinheiro, Ivan Antonio
Data 2009
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Especialização em Gestão de Negócios Financeiros a Distância - 2008.
Assunto Bancários
Banco do Brasil.
Desenvolvimento de competências
Percepção
Resumo As inúmeras transformações ocorridas no mundo a partir da segunda metade do século XX ocasionaram uma significativa mudança nas relações de trabalho, levando a necessidade de um novo perfil profissional. Surgiram as noções de competência profissional e a Gestão de Pessoas por Competências com a responsabilidade de promover a captação e o desenvolvimento do profissional desejado na atualidade. O Banco do Brasil possui um sistema de Gestão de Pessoas por Competências e disponibiliza várias ferramentas para auxiliar o desenvolvimento funcional. O interesse em identificar a compreensão dos funcionários quanto ao processo de Gestão por Competências em vigor no Banco do Brasil e a sua percepção enquanto gestores do próprio desenvolvimento motivaram a consecução deste trabalho. Para realizá-lo efetuou-se uma revisão da literatura referente ao processo de Gestão de Competências e as ferramentas a ele pertinentes. Procurou-se também pesquisar as ferramentas de Gestão de Pessoas que o Banco do Brasil disponibiliza aos funcionários comparando-as com as recomendadas pelos principais autores da área. Após o embasamento teórico foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com os funcionários da Agência Carambei (PR) de onde foram retiradas importantes observações e algumas sugestões para a melhoria do processo. Através da pesquisa ficou constatado que os sistemas de gerenciamento de competência e autodesenvolvimento existentes na empresa, apesar de modernos e em consonância com os indicados pela literatura, ainda não são utilizados pela maioria dos funcionários pelo desconhecimento de sua importância e de sua operacionalidade.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/26277
Arquivos Descrição Formato
000743714.pdf (273.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.