Repositório Digital

A- A A+

Comunicação aumentativa e alternativa para sujeitos com transtornos globais do desenvolvimento na promoção da expressão e intencionalidade por meio de ações mediadoras

.

Comunicação aumentativa e alternativa para sujeitos com transtornos globais do desenvolvimento na promoção da expressão e intencionalidade por meio de ações mediadoras

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Comunicação aumentativa e alternativa para sujeitos com transtornos globais do desenvolvimento na promoção da expressão e intencionalidade por meio de ações mediadoras
Autor Bez, Maria Rosangela
Orientador Passerino, Liliana Maria
Data 2010
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Alfabetização
Autismo
Comunicação
Desenvolvimento da linguagem
Educação especial
Mediação
Síndrome de Cornélia de Lange
Transtornos globais do desenvolvimento
[en] Aumentativa and alternative communication
[en] Autism
[en] Cornelia de lange syndrome
[en] Literacy
[en] Mediation
[en] Pervasive development disorder
[en] Socio-historical theory
Resumo A linguagem e a comunicação são processos fundamentais para o desenvolvimento humano. Mas longe de serem processos inatos ou maturacionais são processos sócio-históricos que se desenvolvem ao longo da vida. Dessa forma, quando as crianças chegam à idade escolar trazem com elas uma linguagem e comunicação oral não como produtos acabados, mas como processos sociais e em desenvolvimento Professores de séries iniciais muitas vezes são surpreendidos quando uma criança não fala, ficando sem ação, pois a expectativa deles é trabalhar apenas com a escrita. Eles pressupõem que oralidade já deveria estar desenvolvida em seus alunos. A escola tem papel fundamental nesse processo de alfabetização, mas também no desenvolvimento da linguagem como um todo incluindo as diversas formas de comunicação possíveis, pois, é de suma importância que a escola acolha todas as pessoas sem discriminações ou preconceitos. Esta pesquisa teve como foco principal propor ações mediadoras com uso de recursos e estratégias de CAA para promover o desenvolvimento da comunicação em sujeitos com TGD. As ações mediadoras foram embasadas nos pressupostos da Teoria Sócio-Histórica, focando em estratégias nas quais a interação vise à comunicação com recursos de CAA de baixa e alta tecnologia como foco principal. O presente trabalho estruturou-se como um estudo de caso (multicaso) de dois sujeitos incluídos nas séries iniciais do ensino fundamental na rede publica municipal da grande Porto Alegre. Ambos os sujeitos tem TGD, sendo que um tem diagnóstico de autismo e o outro de Síndrome de Cornélia de Lange (CdLS). Os resultados a serem apresentados mostram que é possível a utilização da CAA no processo do desenvolvimento de sujeitos não oralizados com TGD, pois, de forma geral, percebe-se que no final da pesquisa os sujeitos ampliaram suas formas de comunicação graças ao uso da CAA. Os indícios de intencionalidade de comunicação que emergiram nos sujeitos com TGD, quando utilizadas ações mediadoras com CAA, se ampliaram de forma significativa chegando os sujeitos a tornarem-se agentes intencionais em diversos momentos das interações.
Abstract Language and communication are key processes in human development. But far from being innate or maturational processes, they are socio-historical processes that develop throughout life. Thus, when children reach school age they bring with them the language and oral communication not as a finished product, but as a social process in development. Schoolteachers are often surprised when a child does not speak, and do not know what to do, because their expectation is to work only with writing. They assume that orality should have been already developed in their students. The school has a fundamental role in the process of literacy, but also in language development as a whole, including the various forms of possible communication. Therefore, it is essential that the school accepts all persons without discrimination or prejudice. This research aims to propose mediation actions through the use of resources and strategies of AAC to promote the communication development in subjects with PDD. The mediating actions were based on the principles of the Social-Historical Theory, focusing on strategies in which the interaction aimed at communicating with AAC features of low and high technology. This study was structured as a case study (multicase) of two individuals inserted in the initial grades of elementary public school at Porto Alegre. Both subjects have PDD; one was diagnosed with autism and the other with Cornelia de Lange Syndrome (CdLS). The results presented show that it is possible to use the AAC in the development process of individuals with PDD and with oral language issues because, in general, at the end of the study subjects increased their forms of communication through the use of AAC. The evidence of intentional communication that emerged in subjects with PDD when using mediation actions with AAC have expanded significantly, reaching the subjects and turning them into intentional agents at different times of the interactions.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/26303
Arquivos Descrição Formato
000757639.pdf (2.012Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.