Repositório Digital

A- A A+

Contribuições ao manejo sustentável dos frutos de Euterpe edulis Martius : estrutura populacional, consumo de frutos, variáveis de habitat e conhecimento ecológico local no sul do Brasil

.

Contribuições ao manejo sustentável dos frutos de Euterpe edulis Martius : estrutura populacional, consumo de frutos, variáveis de habitat e conhecimento ecológico local no sul do Brasil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Contribuições ao manejo sustentável dos frutos de Euterpe edulis Martius : estrutura populacional, consumo de frutos, variáveis de habitat e conhecimento ecológico local no sul do Brasil
Autor Troian, Letícia Casarotto
Orientador Muller, Sandra Cristina
Co-orientador Silvano, Renato Azevedo Matias
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Biociências. Programa de Pós-Graduação em Ecologia.
Assunto Brasil, Sul
Euterpe edulis
Frutas
[en] Atlantic rainforest
[en] Conservation
[en] Ethnobiology
[en] Euterpe edulis
[en] Sustainable use
Resumo A conservação da biodiversidade da Floresta Atlântica está cada vez mais relacionada com sistemas de manejo sustentável que combinem viabilidade econômica e conservação. Porém, muitos aspectos da autoecologia das espécies foco de manejo, fundamentais para o êxito do uso sustentável, ainda são desconhecidos. Aliado ao conhecimento acadêmico, o conhecimento ecológico local (CEL) apresentase como ferramenta fundamental no processo de elaboração de estratégias de manejo. Assim, pela demanda de informações para potencializar o uso sustentável da palmeira juçara (Euterpe edulis Martius), através do uso dos frutos por comunidades locais, o presente trabalho objetivou (a) avaliar aspectos da estrutura populacional de E. edulis, (b) estimar a quantidade de frutos consumida pela fauna sobre o chão da floresta e sua relação com variáveis de hábitat, e (c) levantar informações sobre a espécie e o consumo pela fauna através do CEL, relacionando-as com características sócioeconômicas de agricultores locais e dados científicos. O trabalho foi realizado em quatro fragmentos florestais de Mata Atlântica no litoral norte do Rio Grande do Sul, município de Maquiné. Ao todo foram 58 unidades amostrais (UA) de 100 m², onde foram quantificados os indivíduos de E. edulis em classes de tamanho e as seguintes variáveis de hábitat: cobertura do sub-bosque, abertura do dossel, distância de fonte d’água, cobertura do solo, densidade de árvores com DAP 15 cm e de matrizes de E. edulis. Para avaliação do consumo dos frutos, em cada UA, durante os meses de novembro e dezembro de 2007 e 2008, foram ofertados frutos e avaliados a cada 15 dias quando à remoção ou despolpamento. Após a avaliação, novos frutos eram ofertados. O levantamento do CEL foi realizado através de entrevistas com questionários pré-estruturados. Os resultados indicaram que as populações de E. edulis apresentam uma estrutura populacional em forma de pirâmide e uma quantidade mínima de matrizes para manter a continuidade das populações. O consumo dos frutos pela fauna não variou entre os anos e os percentuais médios de utilização foram: 32,13% de frutos despolpados, 21,92% de removidos e 45,95% permaneceram inteiros sobre o chão da floresta. Entretanto, a quantidade variou entre os fragmentos e conforme as variáveis de hábitat, indicando uma relação entre consumo e utilização dos hábitats pela assembléia de animais. Pelo CEL, foram citadas nove utilidades da palmeira juçara e 29 táxons de animais que consomem os frutos desta palmeira. As comparações entre CEL e variáveis sócio-econômicas dos entrevistados revelaram que moradores da zona rural, assim como caçadores e aqueles com mais de 60 anos tendem a reconhecer um número maior de animais como consumidores dos frutos. De maneira geral, as hipóteses formuladas a partir das situações citadas pela maioria dos entrevistados em relação ao consumo dos frutos coincidem com dados obtidos na literatura científica. Este trabalho reforça a importância do diálogo entre comunidade local, científica e instituições governamentais e não governamentais para buscar estratégias de uso sustentável melhor adaptadas às realidades locais.
Abstract The biodiversity conservation of Atlantic Forest is increasingly linked with systems of sustainable management that combine economic feasibility and conservation. However, many autoecological aspects of species foci of management, which are fundamental for the success of sustainable use, are still unknown. Allied to academic knowledge, the local ecological knowledge (LEK) is a fundamental tool in the process of drawing up of management strategies. Thus the demand for information to potentialize the sustainable use of juçara palm (Euterpe edulis Martius), through the use of pulp fruit by local people communities, this study aims to (a) evaluate aspects of population structure of E. edulis, (b) estimate the quantity of fruit consumed by fauna on the forest floor and its relationship with habitat variables, and (c) raise information on the species and the consumption by fauna through LEK, relating it with socio-economic features of local people and scientific data. The study was performed in four forest fragments of Atlantic Rainforest in the north coast of Rio Grande do Sul, Maquiné municipality. A total of 58 sampling units of 100 m² were placed to quantify individuals of E. edulis in size classes and to measure the following habitat variables: understory cover, canopy openness, distance of water source, soil surface cover, density of trees with DBH ≥15 cm, and of E. edulis matrices. For the assessment of fruit consumption, we offered fresh fruit in each sampling unit, during the months of November and December 2007 and 2008, and evaluated the proportion of fruit removal or pulp removal every 15 days. After each evaluation, new fruit were offered. The LEK survey was performed through interviews with pre-structured questions. The results indicated that populations of E. edulis have a structure in J-reverse form and a minimum matrices quantity for maintaining population stability. The quantity of fruit consumption by fauna did not change between years and averages of use kind were: 32.13% of fruit shelled, 21.92% removed and 45.95% have remained intact on the forest floor. In spite of this, the quantity varied among fragments and according to habitat variables, indicating a relationship between consumption and habitat use by assembly of animals. By LEK survey, nine facilities of juçara palm and 29 taxa of animals that consume the fruits of this palm were cited. Comparisons between LEK and socio-economic variables of the interviewees revealed that residents of rural area, as well as hunters and those with more than 60 years old tend to recognize a greater number of animals as consumers of fruits. In general, the assumptions made from the majority of interviewees in relation to fruit consume coincide with data obtained in scientific literature. This work reinforces the importance of dialog between local community, scientific and governmental institutions and non-governmental organizations to seek strategies for sustainable use better adapted to local realities.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/26603
Arquivos Descrição Formato
000752010.pdf (802.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.