Repositório Digital

A- A A+

Lipocalina associada com gelatinase de neutrófilos humanos (ngal) para o diagnóstico da injúria renal aguda após transplante de rim

.

Lipocalina associada com gelatinase de neutrófilos humanos (ngal) para o diagnóstico da injúria renal aguda após transplante de rim

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Lipocalina associada com gelatinase de neutrófilos humanos (ngal) para o diagnóstico da injúria renal aguda após transplante de rim
Autor Lobato, Gisele Rodrigues
Orientador Edelweiss, Maria Isabel Albano
Co-orientador Medeiros, Lídia Rosi de Freitas
Data 2010
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências Médicas.
Assunto Injúria renal aguda
Lipocalinas
Metanálise
Transplante de rim
Resumo Introdução: Na Nefrologia, e em particular nos transplantes renais, houve uma substancial evolução nos últimos anos. Atualmente a Lipocalina Associada à Gelatinase dos Neutrófilos Humanos (NGAL) é considerado um biomarcador precoce de injúria renal nos pacientes transplantados de rim. Metodologia: A revisão sistemática com enfoque diagnóstico – NGAL urinário e sérico versus creatinina para injúria renal aguda em rim transplantado pela AKIN (Acute Kidney Injury Network), foram realizadas nos seguintes bancos de dados: MEDLINE (Pubmed and OVID interface), Cochrane Central de registros de Estudos Controlados (CENTRAL), EMBASE, LILACS, SCOPUS, Web of Science, BIOSIS, GOOGLE ACADÊMICO, entre janeiro de 2000 até 20/07/2010. Foram procuradas também publicações através de busca manual, em periódicos médicos relevantes até maio de 2010 e listas de referência de artigos bem como resumos de conferências médicas em Congressos. Estudos comparando NGAL urinário e sérico e creatinina no diagnóstico da injúria renal aguda em rim transplantado, começaram a ser realizadas a partir de 2000. Os dados foram extraídos de forma independente por dois revisores que aferiam a qualidade do estudo e a qualidade dos dados extraídos. A extração dos dados inclui avaliar as características clínicas de cada estudo, como tipo de participantes, intervenção e desfechos e tipos de exames realizados (o teste padrãocreatinina sérica e o teste diagnóstico NGAL urinário e sérico). A qualidade dos estudos de foi apurada por um tipo de instrumento de avaliação metodológica: QUADAS (Qualidade dos estudos de Acurácia Diagnóstica incluídos numa Revisão Sistemática). Casuística: Foram revisados 147 estudos publicados, de janeiro de 2000 até maio de 2010, sobre NGAL e IRA, sendo 17 escolhidos por trazer a maioria dos dados completos e destes, 7 foram selecionados para serem submetidos à análise crítica da validade metodológica, pois, preenchiam os critérios exigidos. Resultados: A revisão sistemática com enfoque diagnóstico – NGAL urinário e sérico versus creatinina sérica na avaliação de injúria renal aguda em rim transplantado, somente encontrou quatro estudos de coorte e três transversais, mas com pobre qualidade metodológica. Portanto, tornou-se impossível realizar a metaanálise devido à diferença entre os estudos. Devido à presença de uma heterogeneidade devido a aspectos metodológicos, clínicos ou /e estatística, não se realizou os cálculos de uma meta-análise. Conclusão: A revisão sistemática com enfoque diagnóstico não encontrou evidências que apóiem o uso da dosagem urinária e sérica de NGAL como uma ferramenta diagnóstica na avaliação da injúria aguda pós-transplante renal. Verifica-se a necessidade de estudos com boa qualidade metodológica comparando o NGAL urinário e sérico e creatinina sérica no manejo da injúria renal que pode acometer os rins transplantados. Apesar de todas as nossas tentativas, através de uma revisão minuciosa da literatura médica em diversos bancos de dados e na Grey Literature (British Library e Google Acadêmico) da última década, de podermos eleger o NGAL como um instrumento capaz de nos dar uma indicação precoce sobre os eventos agudos de perda de função renal, não conseguimos demonstrar nosso objetivo, pois, não obtivemos fundamentos que pudessem alicerçar esta afirmação. Desta forma depreendemos que há a necessidade para o prosseguimento desta investigação, uma vez que ao longo da revisão bibliográfica, este teste se mostrou de extrema importância no manejo precoce da injúria renal aguda que pode acometer os rins transplantados no pós-operatório imediato. Este é o teste em que não há qualquer tipo de intervenção no paciente se comparado ao que o que temos hoje ainda é a biópsia renal, que é um método extremamente invasivo, agredindo um órgão com um universo de respostas imunológicas desordenadas e com potencial de fracasso através desta abordagem diagnóstica mais agressiva. Seria interessante dar prosseguimento a estes trabalhos elaborando estudos prospectivos com enfoque diagnóstico, aprimorados metodologicamente, evitando determinados vieses detectados nessa revisão. Nosso trabalho de Doutorado pretende contemplar este aspecto trazendo uma contribuição mais sustentável para o uso do NGAL na prática Nefrológica dos Transplantes.
Abstract Introduction: In Nephrology, and in particular in the renal transplants, there was a substantial evolution in the last years. Nowadays Lipocalin Associate to Gelatinase of Neutrophil Human (NGAL) is considered a biomarker precocious of renal offense in the patients transplanted of kidney. Methodology: The systematic review with focus diagnosis – serum and urinary NGAL versus creatinine for acute renal offense in kidney transplanted by AKIN (Acute Kidney Injury Network), was accomplished in the next databases: MEDLINE (Pubmed and OVID interface), Cochrane records Central of Controlled Studies (CENTRAL), BASE, LILACS, Scopus, Web of Science, BIOSIS, GOOGLE ACADEMIC, between January 2000 up to 20/07/2010. Also were demanded publications through seeks manual, in important medical periodicals until May 2010 and goods reference lists as well as summaries of medical conferences in Congresses. Studies comparing serum and urinary NGAL and creatinina in the diagnosis of the acute renal offense in transplanted kidney, they started to accomplished being starting from 2000. The data were extracted of independent form for two reviewers who checked the study quality and the quality of the extracted data. The data extraction includes evaluate the clinical characteristics of each study, like kind of participants, intervention and outcomes and kinds of accomplished exams (the test standard- serum creatinine and the test diagnosis serum and urinary NGAL). Studies quality was select for a kind of instrument of methodological evaluation: QUADAS (Studies quality of accuracy diagnostic included in a Systematic Revision). Casuistically: They were revised 147 published studies, of January 2000 until May 2010, about NGAL and IRA, being 17 chosen to for bring most complete data and of these, 7 were selected to be submitted to the critical analysis of the methodological validity, because, performed the demanded criteria. Results: The systematic revision with focus diagnosis – serum and urinary NGAL versus creatinine in the evaluation of acute renal offense in transplanted kidney, only found four cohort studies and three cross-sectional, but with poor methodological quality. Therefore, it became impossible to accomplish the goal-analysis due to the difference among studies. Due to the presence of a heterogeneity due to methodological, clinical aspects or /e statistical, did not accomplish the calculations of a goal-analysis. Conclusion: The systematic revision with focus diagnosis did not find evidences that support the use of the urinary and serum dosage and NGAL as a tool diagnostic in the evaluation of the acute offense post-transplant renal. It verifies-if the need to studies with good methodological quality comparing NGAL urinary and sérico and serum creatinine in the handling of the renal offense that can attack the transplanted kidneys. Despite all our attempts, through a meticulous revision of the medical literature in several databases and in Grey Literature (British Library and Google Academic) of the last decade, of can choose NGAL as an instrument capable of give us a precocious indication about the acute events of loss of renal function, do not manage to demonstrate our goal, because, did not obtain foundations that could sustained this affirmation. Thus deduce that there is the need for the prosecution of this investigation, once along the bibliographical revision, this test showed of extreme importance in the precocious handling of the acute renal offense that can attack the kidneys transplanted in immediate postoperative. This is the test in which there is not any kind of intervention in the patient if compared to that what we have today still is the renal biopsy, that is an extremely invasive method, attacking an organ with an immunologic answers universe disordered and with failure potential through of this approach diagnostic more aggressive. It would be interesting to give prosecution to these jobs elaborating prospective studies with focus diagnosis, improved methodological, avoiding determined bias detected in this revision. Our Doctorate work intends to contemplate this aspect bringing a more sustainable contribution for NGAL's Use in the practice Nephrologists of the Transplants.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/26943
Arquivos Descrição Formato
000762424.pdf (27.58Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.