Repositório Digital

A- A A+

Investigando a influência de fatores linguísticos na organização lexical de verbos

.

Investigando a influência de fatores linguísticos na organização lexical de verbos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Investigando a influência de fatores linguísticos na organização lexical de verbos
Outro título Investigating the influence of linguistic factors in the lexical organization of verbs
Autor Germann, Daniel Cerato
Orientador Alvares, Luis Otavio Campos
Data 2010
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Informática. Programa de Pós-Graduação em Computação.
Assunto Lingüística computacional
Processamento : Linguagem natural
[en] Frequency
[en] graph
[en] Lexical development
[en] Linguistic factor
[en] Polysemy
[en] Syntactic complexity
[en] Verb
Resumo Esta dissertação utiliza simulações computacionais visando investigar a influência de alguns fatores lingüísticos na organização lexical de verbos, analisando os processos de aquisição e uso. Os fatores testados são: freqüência de observação na linguagem, polissemia e complexidade sintática. Os dados utilizados foram obtidos por meio de tarefas psicolingüísticas de nomeação de ações, realizadas por crianças e adultos (falantes do Português brasileiro), posteriormente representados como grafos. Com base nos fatores lingüísticos, foram formuladas hipóteses relativas ao desenvolvimento da língua, testadas por meio de simulações computacionais denominadas ‘involuções’. Os testes incluem métricas da teoria dos grafos e medidas de similaridade de conjuntos (coeficiente de Jaccard e suas componentes). Os resultados obtidos apontam para uma confirmação das hipóteses formuladas. Adicionalmente, permitiram verificar algumas características do desenvolvimento lingüístico, como o aumento do vocabulário e uma progressiva especialização.
Abstract This dissertation uses computational simulations designed to investigate the influence of three linguistic factors in the lexical organization of verbs, analyzing the process of acquisition and use. The tested factors are: frequency of observation in the language, polysemy and syntactic complexity. The data used were obtained from psycholinguistic action naming tasks performed by children and adults (speakers of Brazilian Portuguese), and subsequently represented as graphs. Based on linguistic factors, hypotheses were formulated concerning the development of language, tested through simulations called ‘involutions’. Tests include graph theory metrics and set similarity measures (Jaccard’s coefficient and its components). Results suggest a confirmation of the given hypotheses. Additionally, allowed verification of some language development features, such as vocabulary growth and a progressive specialization.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/27660
Arquivos Descrição Formato
000764637.pdf (2.037Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.