Repositório Digital

A- A A+

Proposta de mecanismo de checkpoint com armazenamento de contexto em memória para ambientes de computação voluntária

.

Proposta de mecanismo de checkpoint com armazenamento de contexto em memória para ambientes de computação voluntária

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Proposta de mecanismo de checkpoint com armazenamento de contexto em memória para ambientes de computação voluntária
Outro título A Proposal for a checkpoint mechanism based on memory execution-context storage for volunteer computing environments
Autor Dal Zotto, Rafael
Orientador Geyer, Claudio Fernando Resin
Data 2010
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Informática. Programa de Pós-Graduação em Computação.
Assunto Algoritmos : Recuperacao
Tolerancia : Falhas
[en] Checkpoint
[en] High-performance
[en] Object prevalence
[en] Volunteer computing
Resumo Computação voluntária é um tipo de computação distribuída na qual o proprietário do computador cede parte dos seus recursos computacionais, tais como poder de processamento ou armazenamento, para a execução de um ou mais projetos de pesquisa de seu interesse. Na área de processamento de alto desempenho, o modelo de computação voluntária desempenha um papel muito importante. Sistemas de computação voluntária de larga escala provaram ser mecanismos eficientes para resolução de problemas complexos. Em tais sistemas, que são essencialmente centralizados, centenas ou milhares de computadores são organizados em rede para processar uma série de tarefas, encaminhadas e distribuídas por um servidor central. Nesse tipo de solução, é imprescindível ter um mecanismo para a persistência dos resultados intermediários produzidos, de maneira periódica, para evitar a perda de informações em caso de falhas. Esse mecanismo, chamado de checkpoint, também é importante, em ambientes de computação voluntária, para garantir que no momento em que o proprietário do recurso retomar sua utilização, os resultados intermediários produzidos sejam armazenados para uma posterior recuperação. Sem um mecanismo de checkpoint consistente, resultados produzidos pelos nodos de computação voluntária podem ser perdidos, gerando um desperdício do poder de computação. A pesquisa contemplada nessa dissertação tem por objetivo propor um mecanismo de checkpoint baseado no armazenamento do contexto de execução, através da prevalência de objetos. Essa abordagem proporciona a participação, em sistemas de computação voluntária, de recursos com capacidades limitadas de processamento, memória e espaço em disco que possuam curtos, porém frequentes, períodos de inatividade. Dessa forma, esses recursos poderão realizar checkpoints rápidos e frequentes, produzindo resultados efetivos.
Abstract Volunteer computing is a type of distributed computing in which resource owners donate their computing resources, such as processing power and storage, to one or more projects of interest. In the high-performance computing field, the volunteer computing model has been playing an important role. On current volunteer computing systems, which are essentially center-based, hundreds or thousands of computers are organized in a network to process a series of tasks, originally distributed by a centralized server. For this kind of environment, it is essential to have a mechanism to ensure that all intermediate produced results are stored, avoiding the loss of already processed data in case of failures. This mechanism, known as checkpoint, is also important in volunteer computing environments to ensure that when the resource owner takes control of the activities, all intermediate results are saved for later recovery. Without a consistent checkpoint mechanism, already produced data could be lost, leading to waste of computing power. The research done on this dissertation aims mainly at introducing a checkpoint mechanism based on context execution storage, through object prevalence. On it, resources which usually have limited processing power, memory and storage and with small but frequent periods of inactivity could be allowed to join volunteer computing environments. This is possible because they would be able to execute fast and frequent checkpoint operations in short period of times and therefore, be able to effectively produce results during its inactivity periods.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/27665
Arquivos Descrição Formato
000766352.pdf (1.485Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.