Repositório Digital

A- A A+

Estudo das associações clínicas, radiológicas e funcionais em pacientes com sarcoidose : série de casos

.

Estudo das associações clínicas, radiológicas e funcionais em pacientes com sarcoidose : série de casos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estudo das associações clínicas, radiológicas e funcionais em pacientes com sarcoidose : série de casos
Autor Fernandes, Juliana Cardozo
Orientador Silva, Luiz Carlos Corrêa da
Data 2009
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Pneumologia.
Assunto Pneumologia
Pulmão
Sarcoidose
Resumo Objetivo: Este estudo de uma série de casos de sarcoidose propõe-se a descrever a correlação clinica, radiológica e funcional pulmonar, no momento do diagnóstico. Perfil demográfico, sintomas sistêmicos, manifestações extrapulmonares da doença, associação com outras doenças granulomatosas, histopatologia e achados laboratoriais. Métodos: Estudo retrospectivo de 103 casos com sarcoidose, atendidos em centro de referência no sul do Brasil, entre 1990 e 2003. Resultados: Não houve diferença de frequência entre homens e mulheres (42% e 58% respectivamente). A média de idade foi de 41,8 ± 14,1 anos. Houve predomínio em caucasianos (84%). Dados sobre tabagismo mostraram que 62% dos pacientes nunca fumaram, 29% eram tabagistas em abstinência e 9% tabagistas ativos. Dentre os dados clínicos destacaram-se: 86% eram sintomáticos, dentre eles, 77% tinham sintomas torácicos, sendo os mais prevalentes tosse (48%), dispnéia (41%) e dor torácica (18%). As manifestações extrapulmonares foram encontradas em 80% dos casos, sendo 21% com adenopatia periférica, 20% com artralgia, 17% com alterações cutâneas, 20% com alterações oftalmológicas, 10% com alterações cardiológicas, e 6% com litíase urinária. Sintomas sistêmicos como emagrecimento, febre e astenia foram encontrados em 35%, 23% e 23%, respectivamente. A espirometria foi realizada em 83 (82%) pacientes, com resultados anormais em 45% deles, com os seguintes padrões: restritivo em 23%, obstrutivo em 18% e misto em 4%. A distribuição dos tipos radiológicos mostrou 1% tipo 0, 32% tipo I, 49% tipo II e 18% tipo III. Realizaram radiograma de tórax e função pulmonar simultaneamente 73 pacientes, evidenciando-se correlação significativa entre a presença de distúrbio ventilatório e os tipos radiológicos I, II, III (p = 0,036). Conclusão: Os achados demográficos desta série mostram-se semelhantes aos descritos na literatura, particularmente na população européia. Houve correlação significativa dos diferentes tipos radiológicos (I, II, III) com a presença de alteração funcional pulmonar; entretanto, esses achados radiográficos e funcionais não se mostraram importantemente relacionados com os sintomas clínicos.
Abstract Objective: This case study, aims to describe the correlation between clinical presentation, radiological findings and pulmonary function tests at the time of the diagnosis. Demographics, symptoms, extra pulmonary manifestation of the disease, association with other granulomatous diseases, hystopathological and laboratorial findings are also described. Methods: A retrospective study of 103 patients with sarcoidosis treated at a referral centre in the south of Brazil , between 1990 and 2003. Results: The gender distribution was not significantly different (men, 42%; women, 58%). Mean age was 41,8 ± 14,1 years. Eighty four percent (84%) of the patients were Caucasians. Sixty two percent (62%) of the patients had never smoked, 29% were former smokers, and 9% were current smokers. Eighty six percent (86%) of the patients were symptomatic, where 77% presented with respiratory symptoms: cough (48%); dyspnea (41%); and chest pain (18%). The extra pulmonary symptoms were present in 80% of patients, lymphadenopathy (21%), articular manifestation (20%), skin lesions (17%), ocular lesions (20%), cardiac manifestations (10%) and renal stones (6%). Constitutional symptoms included like weight loss (35%), fever (23%) and fatigue (23%). Spirometry was performed in 83 (82%) of patients. Abnormal results were observed in 45%: restrictive pattern (23%), obstructive pattern (18%) and mixed pattern (4%). Radiological types were distributed as follows: 1% type 0; 32% type I, 49% type II and 18% type III. Seventy three patients had both chest radiograph and spirometry. Correlation was found between radiological type and function tests (p=0,036). Conclusion: The findings observed on our local cohort were similar to previously published studies from European cohorts. Significant correlation between radiological type and pulmonary function tests was found, although neither radiological type nor severity of pulmonary functional tests correlated with the clinical symptoms.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/27757
Arquivos Descrição Formato
000765784.pdf (662.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.