Repositório Digital

A- A A+

Percepção dos usúarios diabéticos da estratégia de saúde da família Araçá I acerca do autocuidado

.

Percepção dos usúarios diabéticos da estratégia de saúde da família Araçá I acerca do autocuidado

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Percepção dos usúarios diabéticos da estratégia de saúde da família Araçá I acerca do autocuidado
Autor Isoton, Márcia Damiana
Orientador Fisher, Paul Douglas
Data 2010
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Curso de Especialização em Saúde Pública.
Assunto Autocuidado
Diabetes mellitus
Saúde da família
Saúde pública
Resumo O presente trabalho é um estudo quanti-qualitativo descritivo sobre as percepções que os diabéticos acompanhados pela Estratégia de Saúde da Família (ESF) possuem acerca do seu autocuidado. A pesquisa foi composta de duas etapas. Na primeira etapa da pesquisa ocorreu a aplicação de questionário sobre o conhecimento e hábitos dos diabéticos para 76, dos 90 diabéticos cadastrados na Unidade de Saúde da Família da Família Araçá I. A segunda etapa constou de uma entrevista semi-estruturada com 10 diabéticos escolhidos por conveniência, sendo 5 mulheres e 5 homens. Nas entrevistas buscou-se conhecer de forma mais aprofundada as percepções e valores presentes no cuidado com o diabético. A análise quantitativa ocorreu por meio dos dados obtidos através das planilhas das respostas dos questionários, e a qualitativa foi realizada por métodos de análise de conteúdo das entrevistas realizadas. A amostra de diabéticos demonstrou que a escolaridade, a convivência com a família e a comunidade, e o vínculo com a equipe de saúde interferem diretamente na percepção que os diabéticos possuem do cuidado. Através dos questionários ficou demonstrado que os diabéticos estudados possuem dúvidas e poucos esclarecimentos sobre a doença e as suas complicações. As entrevistas mostraram comportamentos e hábitos pouco saudáveis e dificuldades em alterá-los. Os padrões de comportamento são comuns, independente se analisados por sexo, faixa etária ou tempo de diagnóstico da doença.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/28091
Arquivos Descrição Formato
000767606.pdf (403.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.