Repositório Digital

A- A A+

Panorama, benefícios e controvérsias da fluoretação da água de abastecimento público no Brasil e no mundo : uma revisão de literatura

.

Panorama, benefícios e controvérsias da fluoretação da água de abastecimento público no Brasil e no mundo : uma revisão de literatura

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Panorama, benefícios e controvérsias da fluoretação da água de abastecimento público no Brasil e no mundo : uma revisão de literatura
Autor Eidelwein, Caroline
Orientador Bordin, Ronaldo
Data 2010
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Curso de Especialização em Saúde Pública.
Assunto Fluoretacao
Políticas públicas de saúde
Saúde pública
Resumo A adição de compostos fluoretados à água de abastecimento público data desde 1945. Enquanto medida de saúde pública, visa à prevenção e redução da prevalência de uma patologia com abrangência mundial, responsável por dor, sofrimento e mutilações – a cárie dentária. Este estudo realizou uma revisão bibliográfica quanto aos principais aspectos envolvidos na fluoretação da água. Têmse atribuído à fluoretação da água características como efetividade, baixo custo relativo, diminuição das desigualdades em saúde e baixa ocorrência de efeitos adversos. Entretanto existem questionamentos sobre a real necessidade da medida, devido à disponibilidade de outras fontes de flúor e à redução da prevalência de cáries em áreas sem água fluoretada. Além disso, desde a sua implantação, há atuação de grupos oponentes e resistência política e social a sua adoção em algumas localidades. Os argumentos contrários geralmente apresentados relacionaram-se à ocorrência de fluorose dentária como efeito adverso, existência de outros potenciais efeitos adversos, considerações ambientais e econômicas, e reflexões éticas. A criação de um contexto dilemático refletiu a conformação não uniforme da medida mundialmente. Além da esperada falta de consenso, verificaram-se tanto existência de evidências científicas contundentes em relação ao custo-benefício e segurança da medida, como inconsistências científicas e divulgação de informações de cunho sensacionalista. A fluoretação da água de abastecimento público está inserida em uma proposta de promoção da saúde, devendo ser contextualizada, para que o objetivo de redução da cárie por meio de uma abordagem coletiva não entre em conflito com valores sociais.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/28096
Arquivos Descrição Formato
000767447.pdf (401.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.