Repositório Digital

A- A A+

Brinquedo terapêutico : cuidado humanizado na assistência do enfermeiro pediátrico

.

Brinquedo terapêutico : cuidado humanizado na assistência do enfermeiro pediátrico

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Brinquedo terapêutico : cuidado humanizado na assistência do enfermeiro pediátrico
Autor Luz, Fernanda da Rocha
Orientador Ribeiro, Nair Regina Ritter
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Enfermagem. Curso de Enfermagem.
Assunto Brinquedo terapêutico : Criança hospitalizada : Enfermagem
Enfermagem pediátrica
Resumo Na hospitalização infantil, circunstâncias como o procedimento assistencial faz com que a criança se torne mais fragilizada. O Brinquedo Terapêutico - BT utilizado como uma técnica de catarse, por meio da brincadeira, possibilita ao enfermeiro dramatizar a situação a ser vivenciada pela criança, colabora na prática da assistência, diminuindo o sofrimento da criança. Frente a isto, os objetivos deste estudo são: conhecer o que pensam os enfermeiros da pediatria sobre o brinquedo terapêutico como facilitador na sua prática assistencial; identificar as possíveis dificuldades para a utilização do brinquedo terapêutico na prática diária do enfermeiro pediátrico; averiguar as sugestões dos enfermeiros para a utilização do brinquedo terapêutico como parte integrante do cuidado de enfermagem. É um estudo qualitativo de caráter exploratório descritivo. O projeto foi aprovado pela Comissão de Pesquisa da Escola de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e na Comissão de Ética e Pesquisa do Hospital de Clínicas de Porto Alegre n° 100331, seguindo as diretrizes para pesqu isa com seres humanos. A pesquisa foi realizada com 10 enfermeiras das Unidades de Internação Pediátrica 10°N e 10°S do Hospital de Clinica de Porto Alegre, cujos dados foram coletados por meio de entrevista semi-estruturada e analisados por meio do método de categorização. Emergiram três categorias: O lúdico como recurso na hospitalização infantil abordando a importância da brincadeira para a criança e o enfermeiro pediátrico; A enfermagem e o BT onde consta a percepção das enfermeiras pediátricas quanto ao BT no contexto hospitalar; Refletindo sobre a utilização do BT que apresenta as dificuldades, sugestões e reflexões geradas sobre a utilização do BT. Embora as enfermeiras saibam sobre a importância do BT, constatou-se a necessidade de preparar o enfermeiro pediátrico para sua utilização, desde a graduação até o desenvolvimento de sua prática profissional, para que ele possa ser utilizado por todos os enfermeiros que trabalham com a criança.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/28117
Arquivos Descrição Formato
000769152.pdf (2.067Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.