Repositório Digital

A- A A+

A influência das matrizes institucionais no desenvolvimento econômico da Austrália e do Brasil : da colonização à substituição de importações

.

A influência das matrizes institucionais no desenvolvimento econômico da Austrália e do Brasil : da colonização à substituição de importações

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A influência das matrizes institucionais no desenvolvimento econômico da Austrália e do Brasil : da colonização à substituição de importações
Autor Buarque, Lísia da Costa Ribas
Orientador Monteiro, Sergio Marley Modesto
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Ciências Econômicas.
Assunto Austrália
Brasil
Desenvolvimento econômico
Economia institucional
Formação econômica
História econômica
Substituição de importações
[en] Economic development
[en] Economic formation of Australia
[en] Economic formation of Brazil
[en] New institutional economics
Resumo A partir do século XX, as questões relacionadas aos motivos que podem explicar o desenvolvimento econômico começaram a ser mais analisadas pelos economistas e estudiosos de outras áreas. Durante esse período, surgiu uma nova teoria multidisciplinar que considera que a evolução dos arranjos institucionais é capaz de explicar os diferentes resultados socioeconômicos, a chamada Nova Economia Institucional. Considerando que existe diferença no desenvolvimento da economia da Austrália e do Brasil - mesmo sendo dois países relativamente novos, de colonização exploratória, com uma série de características semelhantes - este estudo se propõe a encontrar as causas desses distantes resultados através da análise comparativa das matrizes institucionais de cada país. Cinco resultados foram encontrados, sendo que a primeira causa é considerada o cerne dos diferentes desenvolvimentos econômicos.
Abstract From the twentieth century, issues related to the reasons that may explain economic development began to be further analyzed by economists and scholars from other areas. During this period, a new multidisciplinary theory that considers the evolution of institutional arrangements are able to explain the different socioeconomic results, the so-called New Institutional Economics. Considering that a difference in developing the economy of Australia and Brazil - two countries even though relatively new, exploratory colonization, with a series of similar characteristics - This study aims to find the causes of those distant outcomes by comparative analysis of institutional matrices in each country. Five results were found, with the first issue is regarded as the core of the different economic developments.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/28157
Arquivos Descrição Formato
000766149.pdf (656.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.