Repositório Digital

A- A A+

Agenda de segurança do Equador : estudo crítico sobre as respostas do estado equatoriano frente aos desafios regionais

.

Agenda de segurança do Equador : estudo crítico sobre as respostas do estado equatoriano frente aos desafios regionais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Agenda de segurança do Equador : estudo crítico sobre as respostas do estado equatoriano frente aos desafios regionais
Autor Meller, Laura Schilling
Orientador Cepik, Marco Aurelio Chaves
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Relações Internacionais.
Assunto América do Sul
Colômbia
Equador
Narcotráfico
Peru
Política de segurança
Segurança nacional
Soberania
[en] Ecuador
[en] Security
[en] South america
[es] Ecuador
[es] Seguridad
[es] Sudamérica
Resumo O presente estudo aborda a temática da segurança na região andina sob a perspectiva do Equador. O objetivo é analisar a mudança na agenda de segurança equatoriana durante a última década e o que a motiva, bem como verificar a capacidade de resposta do Equador frente ao contexto regional de segurança. Com esse propósito, a pesquisa foi dividida em quatro capítulos. O primeiro capítulo caracteriza o Estado e suas instituições, principalmente no que concerne ao setor de segurança e defesa. O segundo capítulo analisa o conflito territorial com o Peru e sua solução. O terceiro capítulo examina o conflito colombiano na atualidade e as consequências do seu desenvolvimento para o Equador. O último capítulo analisa a política de segurança estadunidense e sua influência tanto na região andina como na agenda de segurança equatoriana. Esta pesquisa permite concluir que a agenda do Equador prioriza atualmente os temas de segurança relacionados às ameaças provenientes da fronteira norte, sendo isso possível devido ao fim da disputa com o Peru. Tal situação é em parte uma consequência do impacto da política de segurança estadunidense na região, em aliança com Bogotá; no entanto, as vulnerabilidades internas do estado equatoriano são igualmente determinantes para a realidade observada.
Abstract This study approaches the subject of security in the Andes under the perspective of Ecuador. Its aim is to analyze the change in Ecuadorian security agenda during the last decade and what causes it, verifying also Ecuador´s capacity of reaction in the regional security scenery. For this purpose, the research was divided in to four chapters. First chapter describes the State and its institutions, mainly concerning the area of security and defense. Second chapter analyzes the territorial conflict against Peru and its solution. Third chapter examines Colombian conflict in present days and the consequences of its development for Ecuador. Last chapter analyses United States´ security policy and its influence in the Andean region and in Ecuadorian security agenda. This research allows one to conclude that in present days Ecuador focuses its agenda on security matters related to threats coming from the northern border, which was made possible by the end of the dispute with Peru. Such situation is partly a consequence of the impact of United States´ security policy in the region, in alliance with Bogotá; however, the internal vulnerabilities of the Ecuadorian State are equally determining the reality observed.
Resumen Este estudio aborda el tema de la seguridad en la región andina en la perspectiva del Ecuador. El objetivo es analizar el cambio en la agenda de seguridad ecuatoriana durante la última década y qué lo ocasionó, así como verificar la capacidad de reacción del Ecuador frente al contexto regional de seguridad. Con ese propósito, la investigación fue dividida en cuatro capítulos. El primer capítulo describe el Estado y sus instituciones, principalmente en lo concerniente al sector de seguridad y defensa. El segundo capítulo analiza el conflicto territorial con el Perú y su solución. El tercer capítulo examina el conflicto colombiano en la actualidad y las consecuencias de su desenvolvimiento para el Ecuador. El último capítulo analiza la política de seguridad estadunidense y su influencia tanto en la región andina como en la agenda de seguridad ecuatoriana. Esta investigación permite concluir que la agenda de Ecuador prioriza en la actualidad los temas de seguridad relacionados a las amenazas provenientes de la frontera norte, siendo eso posible debido al fin de la disputa con el Perú. Tal situación es en parte una consecuencia del impacto de la política de seguridad estadunidense en la región, en alianza con Bogotá; sin embargo, las vulnerabilidades internas del Estado Ecuatoriano son igualmente determinantes para la realidad observada.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/28370
Arquivos Descrição Formato
000770755.pdf (3.460Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir
000770755-02.pdf (1.527Mb) Texto completo (espanhol) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.