Repositório Digital

A- A A+

O bibliotecário e a competência informacional : atribuições educativas e imbricações relativas ao processo de escrita e desenvolvimento da leitura crítica

.

O bibliotecário e a competência informacional : atribuições educativas e imbricações relativas ao processo de escrita e desenvolvimento da leitura crítica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O bibliotecário e a competência informacional : atribuições educativas e imbricações relativas ao processo de escrita e desenvolvimento da leitura crítica
Autor Casagrande, Carla Rosana Silva
Orientador Caregnato, Sonia Elisa
Data 2007
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Curso de Biblioteconomia.
Assunto Alfabetização informacional
Competência informacional
Leitura
Trabalho acadêmico
[en] Academic works
[en] Brazilian university libraries
[en] Critic reading
[en] Informational competence
[en] Information literacy
[en] Mother language teaching
[en] Writing production
Resumo O estudo discute a dificuldade dos alunos universitários de produzirem trabalhos escritos. Examina o tema através de revisão da literatura. Propõe-se a identificar os fatores que contribuem para a realidade constatada. Apóia-se em autores com experiência docente, ligados às áreas da Biblioteconomia, da Educação, da Lingüística e do ensino da Língua Portuguesa. Traça como objetivos específicos: identificar os elementos do ponto de vista lingüístico e educacional, relativos à produção escrita; demonstrar as relações existentes entre leitura e produção textual; verificar, na literatura da área da Ciência da Informação, qual o papel do Bibliotecário no processo educativo e como agente de transformação social sob o paradigma da Competência Informacional; identificar os elementos considerados como indicadores de um bom trabalho acadêmico. Verifica que a aquisição da língua materna consiste em um trabalho exitoso na construção do processo de comunicação verbal. Constata que a sistemática tradicional de aprendizagem escolar, especialmente a do ensino da língua portuguesa para o aprendizado da escrita, rompe com os saberes pregressos adquiridos pelo aluno, base da construção da linguagem construída até antes da idade escolar. Baseia-se, o ensino do português, no código gramatical normativo e convence a criança de que ela não sabe falar seu próprio idioma. Demonstra a ineficiência desse método e examina as conseqüências dessa prática pedagógica que inibe a criatividade do aluno e interfere na sua auto-estima. Defende o ensino da capacidade redacional baseada na análise de textos próprios e de outros. Evidencia a imbricação entre os atos de leitura e pensamento crítico. Demonstra a relação entre o desenvolvimento da leitura crítica como fator de construção do aprendizado da produção escrita. Aponta para a necessidade de se empreender uma reformulação nos moldes do ensino tradicional. Enfatiza o papel do Bibliotecário enquanto educador, atuante na formação de usuários competentes no uso eficaz da informação. Aponta para a necessidade de as Bibliotecas Universitárias se integrarem no projeto curricular das instituições de ensino, assumindo seu papel educacional. Recomenda contemplar tais aspectos e conhecimentos na formação dos profissionais da Ciência da Informação.
Abstract The paper deals with the e difficulty of university students in written production. It approaches the subject through a literature revision, examining the writings of experienced teaching authors on the Education, Linguistics, Portuguese and Information Science areas. It intends to identify factors that contribute to the reality studded. Its specific objectives are: identify contributing linguistic and educational elements related to written production; show relations between reading and writing production; verify in Information Science literature which is the role of librarians in the educational process and as a social transformation agent under the information literacy paradigm. The research work identifies the elements considered as indications of a good academic work. It also verifies that the mother language acquisition is a successful work in the construction of communicational process and reports that the traditional systematic school learning, specifically the teaching of Portuguese, language breaks with this acquired knowledge. The Portuguese teaching is based on a normative grammatical code and convinces the child that he/she doesn’t know how to speak his/her own idiom. The paper demonstrates the inefficiency of this method and examines the consequences of this pedagogic practice that forbids student’s creativity and interferes in his/her self-respect. It defends the teaching of writing skills based upon text self-analysis and of others. It shows the imbrications between reading acts and critic thought, demonstrating the relationship between critic reading development as a factor in writing knowledge construction. It points the necessity of reformulating the traditional teaching and emphasizes the librarian role as an educator, active in the formation of competent information users. It also points the necessity of university libraries be integrated in the curriculum project of teaching institutions, taking over their educational role. It recommends contemplating those aspects and knowledge in the formation of Informational science professionals.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/28486
Arquivos Descrição Formato
000667008.pdf (332.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.