Repositório Digital

A- A A+

Promoção do crescimento em adesmias e macieira utilizando rizóbios de Adesmia latifolia

.

Promoção do crescimento em adesmias e macieira utilizando rizóbios de Adesmia latifolia

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Promoção do crescimento em adesmias e macieira utilizando rizóbios de Adesmia latifolia
Outro título Growth promoting in adesmias and apple using rhizobia of Adesmia latifolia
Autor Muniz, Aleksander Westphal
Orientador Sa, Enilson Luiz Saccol de
Co-orientador Wordell Filho, João Américo
Data 2011
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Ciências Básicas da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Microbiologia Agrícola e do Ambiente.
Assunto Leguminosas
Malus
Rhizobium
Resumo A leguminosa Adesmia latifolia encontrada nos campos do Rio Grande do Sul e Santa Catarina apresenta alta qualidade forrageira e pode ser utilizada em programas de melhoramento de campos nativos. Essa espécie apresenta simbiose com rizóbios do solo. Tais rizóbios podem ser utilizados na promoção do crescimento de A. latifolia e outras espécies vegetais. Assim, os objetivos deste trabalho foram estudar e selecionar rizóbios nativos, isolados de A. latifolia, para a promoção de crescimento de plantas de espécies de Adesmia e do porta-enxerto micropropagado de macieira cv Marubakaido (Malus prunifolia Bork). Para atingir estes objetivos foram realizados três estudos. O primeiro estudo avaliou a promoção de crescimento em espécies de Adesmia por rizóbios produtores de ácido indolacético. O segundo estudo caracterizou e avaliou a eficiência simbiótica dos rizóbios de A. latifolia. O terceiro avaliou a utilização dos rizóbios de A. latifolia para o enraizamento in vitro e a aclimatização do porta-enxerto micropropagado de macieira cv. Marubakaido. Os resultados do primeiro estudo mostraram que os isolados apresentaram variação na produção de AIA. A promoção do crescimento vegetal variou nas diferentes espécies de Adesmia. No segundo estudo os resultados revelaram que os isolados testados apresentaram características fenotípicas dos gêneros Mesorhizobium e Rhizobium. Esses resultados demonstraram que os isolados EEL47310, EEL45910, EEL37910 e EEL45810 induziram uma maior produção de massa seca da parte aérea de A. latifolia. Tais isolados foram caracterizados geneticamente como Mesorhizobium sp. No terceiro estudo observou-se que o isolado EEL16010B induziu o maior crescimento no enraizamento in vitro do porta-enxerto micropropagado de macieira cv. Marubakaido. Os rizóbios produtores de AIA isolados de A. latifolia podem promover o crescimento em plântulas outras espécies do mesmo gênero. Foi testado a viabilidade do uso da utilização de caldo contendo AIA produzido pelo rizóbio EEL16010B em substituição ao AIA sintético no enraizamento in vitro do porta enxerto de macieira cv. Marubakaido.
Abstract The legume A. latifolia found in the fields of Rio Grande do Sul and Santa Catarina has a high nutritional quality and can be used in breeding programs of native grasslands. This species presents a symbiosis with rhizobia soil. These rhizobia may be used in promoting the growth of A. latifolia and other species. The objectives of this study were selected and rhizobia isolated from A. latifolia promotion for plant growth Adesmia species and rootstock cv Marubakaido micropropagated apple (Malus prunifolia Bork). To achieve these objectives were conducted three studies. The first study evaluated the promotion of growth by rhizobacteria species Adesmia nodules producing IAA. The second study characterized and evaluated the efficiency of symbiotic rhizobia from A. latifolia. The third study examined the use of rhizobia of A. latifolia for in vitro rooting and acclimatization of micropropagated rootstock of apple cv. Marubakaido. The results of the first study showed that the isolates showed variation in the production of IAA. The promotion of growth varied in different species of Adesmia. In the second study the results showed that the isolates tested showed phenotypic characteristics of the genera Mesorhizobium and Rhizobium and that these results showed that the isolates EEL47310, EEL45910, EEL37910, EEL45810 and were more effective in inducing the production of dry matter of aerial part of A. latifolia. These isolates were genetically characterized as Mesorhizobium. In the third study showed that the strain EEL16010B induced the highest growth in vitro rooting of micropropagated rootstock of apple cv. Marubakaido. The producers of IAA rhizobia isolated from A. latifolia can promote the growth of seedlings of other species of this genus. It is feasible to use broth containing IAA produced by rhizobia strain EEL16010B to replace synthetic IAA in vitro rooting of apple rootstock cv. Marubakaido
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/28493
Arquivos Descrição Formato
000771112.pdf (437.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.