Repositório Digital

A- A A+

Mudanças vegetacionais e climáticas no Planalto Leste do Rio Grande do Sul, Brasil, durante os últimos 25000 anos

.

Mudanças vegetacionais e climáticas no Planalto Leste do Rio Grande do Sul, Brasil, durante os últimos 25000 anos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Mudanças vegetacionais e climáticas no Planalto Leste do Rio Grande do Sul, Brasil, durante os últimos 25000 anos
Autor Leonhardt, Adriana
Orientador Lorscheitter, Maria Luisa
Data 2007
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Biociências. Programa de Pós-Graduação em Botânica.
Assunto Paleoambientes
Palinologia : Brasil Rio Grande do Sul
Teses
Resumo A turfeira estudada (29º29´35´´S-50º37´18´´W) situa-se no Condomínio Alpes de São Francisco, município de São Francisco de Paula, Planalto leste do Rio Grande do Sul. Um perfil sedimentar de 286 cm foi retirado da porção mais espessa do depósito. O perfil e as amostras para datação por 14C foram coletados com o Amostrador de Hiller. Para a análise palinológica extraíram-se 22 amostras do perfil, processadas com HCl, HF, KOH e acetólise. Pastilhas de Lycopodium clavatum L. foram introduzidas no início do processamento químico para cálculo da concentração polínica. Ao microscópio óptico foram contados, em cada amostra, um número mínimo de 500 grãos da vegetação regional e 100 esporos de L. clavatum, além da contagem paralela dos palinomorfos locais (do depósito pantanoso). Foi descrita a morfologia dos palinomorfos, sempre que possível com dados ecológicos, e as fotomicrografias realizadas, em geral, no aumento de 1000×. Os diagramas palinológicos foram montados usando os programas Tilia e Tilia Graph, e a análise de agrupamentos foi feita pelo programa CONISS. Identificaram-se 116 palinomorfos (10 fungos, 6 algas, 3 briófitos, 16 pteridófitos, 2 gimnospermas, 75 angiospermas e 4 palinomorfos outros). Os dados apontam, entre 25000-16000 anos AP, um clima relativamente frio e seco com domínio do campo, com a mata em refúgios, e um lago de margens pantanosas no local de estudo. A partir de 16000 anos AP o clima parece muito adverso, com ambiente frio e semi-árido entre 14000-12500 anos AP, quando o campo regional encontra-se rarefeito e o lago dá lugar a um pântano ressecado. Há cerca de 11000 anos AP, com o final do último estágio glacial do Pleistoceno e o início do Holoceno, um acentuado aumento da temperatura e umidade parece surgir, desenvolvendo a vegetação em geral, em especial a campestre. Entre 9700-6500 anos AP, dados apontam para uma fase de clima agora quente e seco, quando a vegetação como um todo novamente se retrai, interrompendo a tendência de expansão. A partir de 6500 anos AP, as condições de umidade voltam gradativamente à região, com o início da expansão da mata desde os refúgios e a transformação do pântano local em turfeira. Há cerca de 3000 anos AP, um clima ainda mais úmido parece instalar-se, talvez com leve redução da temperatura, que favorece a expansão de típicos elementos da Mata com Araucária sobre os campos e o adensando a turfeira. Dados sugerem que a umidade ambiental continua após 3000 anos AP, mas o aumento global da temperatura e os fatores antrópicos possivelmente devam ter sido os responsáveis pela retração da vegetação do Planalto leste na atualidade.
Abstract The studied bog (29º29´35´´S-50º37´18´´W) is located in Alpes de São Francisco, São Francisco de Paula, eastern Plateau of Rio Grande do Sul. A sedimentary profile of 286 cm was taken from the deepest part of the bog. The profile and the samples for 14C dating were collected with the Hiller Sampler. For the palynological analysis 22 samples were extracted from the profile, processed with HCl, HF, KOH and acetolysis. Lycopodium clavatum tablets were introduced in the beginning of the process to calculate the pollen concentration. A minimum of 500 grains of the regional vegetation and 100 spores of L. clavatum were counted in each sample, besides the parallel counting of local palynomorphs (from the marsh deposit), using light microscope. The palynomorphs were photomicrographed, generally 1000× enlarged, with morphological descriptions and ecological data. The software Tilia, Tilia Graph and CONISS were used for diagrams and cluster analysis. A total of 116 palynomorphs were identified (10 fungi, 6 algae, 3 bryophytes, 16 pteridophytes, 2 gymnosperms, 75 angiosperms and 4 other palynomorphs). The results indicate, between 25000-16000 yr BP, a regional cold and dry climate, with a grassland landscape, forests in the refuges and a lake with marshy edges on the study site. The climate became more adverse after 16000 yr BP, especially between 14000-12500 yr BP, with regional rarefied grasslands, when a dry marsh substituted the local lake. At about 11000 yr BP, with the end of the Late Pleistocene glacial stage and the beginning of the Holocene, the data indicate a clear increase of the temperature and humidity, with development of the vegetation in general, especially the grasslands. Between 9700-6500 yr BP a change to a warm and drier climate seems to occur, with retraction of the vegetation as a whole, interrupting the course of expansion. From about 6500 yr BP onwards, the results point to the gradual return of the moist conditions to the region, giving rise to the expansion of the forest from the refuges and the local bog formation. At about 3000 yr BP, an even wetter climate seems to occur, perhaps with a somewhat lower temperature, promoting the Araucaria forest expansion over the grasslands and the development of the local bog. The data show the continuation of the environmental humidity after 3000 yr BP, but the global higher temperature and human activities probably were the causes of the present retraction of the vegetation from the eastern Plateau.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/28627
Arquivos Descrição Formato
000598823.pdf (16.62Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.