Repositório Digital

A- A A+

As novas tecnologias e as relações estruturais entre educação e produção

.

As novas tecnologias e as relações estruturais entre educação e produção

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título As novas tecnologias e as relações estruturais entre educação e produção
Outro título New technologies and structural relationship between education and work
Autor Silva, Tomaz Tadeu da
Resumo A partir de uma crítica sobre as relações entre as novas tecnologias e a educação, o ensaio propõe uma análise estrutural e relaciona1 das conexões entre trabalho e educação. Argumentase aqui que grande parte dessas pesquisas tende a apresentar um quadro demasiadamente otimista das modificações introduzidas pelas novas tecnologias no processo de trabalho, além de propor reformas educacionais baseadas num modelo liberal de oferta-demanda. Essas pesquisas são ainda criticadas por sua visão substancialista e essencialista das modificações introduzidas pelas novas tecnologias. O ensaio tenta desenvolver um quadro alternativo de análise centrado nas relações estruturais entre trabalho e educação. Uma tal análise demonstraria que as novas tecnologias na realidade deixam intocada a divisão social entre trabalho mental e trabalho manua
Abstract The essay develops a critique of the conceptual framework used in recent investigations on the relationship between the introduction of new technologies in the work process and education. The present essay propÒse an alternative framework focusing on the structural relationship between education and work. The argument presented here states that those investigations tend to present an overoptimistic view of the modifications brought about by the new technologies into the work process. They also tend to delineate educational reforms based on a liberal supplyldemand model. Those researches are also criticized for their essencialist and substantialist view of the modification brought about by the new technologies. The essay tries to develop an alternative framework of analysis, centered on the structural relation between education and work. It is argued that such an analysis would demonstrate that the new technologies do not touch the social division between mental and manual labor.
Contido em Cadernos de pesquisa. São Paulo. N. 87 (nov. 1993), p. 20-30
Assunto Inovação tecnológica
Trabalho
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/28660
Arquivos Descrição Formato
000092693.pdf (1.240Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.