Repositório Digital

A- A A+

'Aquele negrão me chamou de leitão' : representações e práticas corporais de embelezamento na educação infantil

.

'Aquele negrão me chamou de leitão' : representações e práticas corporais de embelezamento na educação infantil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título 'Aquele negrão me chamou de leitão' : representações e práticas corporais de embelezamento na educação infantil
Autor Guizzo, Bianca Salazar
Orientador Felipe, Jane
Data 2011
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Classe social
Corpo
Cultura visual
Educação infantil
Gênero
Geração
Imagem
Infância
[en] Body
[en] Breed
[en] Childhood
[en] Child rearing
[en] Gender relation
[en] Generation
[en] Grooming
[en] Image
[en] Social class
[en] Visual culture
Resumo Na sociedade brasileira atual, questões relacionadas à aparência e à imagem do corpo são reconhecidas como elementos centrais nos processos de constituição de identidades desde a infância. Esta tese tem como questão central de pesquisa discutir em que medida as representações de beleza e de feiura compreendidas pelas crianças de uma turma de Educação Infantil pertencente a uma escola pública do município de Esteio/RS afetam a forma como as meninas lidam/investem com/nos seus corpos, delineando assim suas feminilidades. Os principais objetivos desta investigação são: 1) apresentar como determinadas representações de gênero, raça/cor, classe social e geração, construídas e reiteradas diariamente por meio das mais diversas pedagogias culturais e visuais, ecoam e circulam, como verdades quase que absolutas, no ambiente educacional infantil; 2) a partir dessas representações propagadas em diferentes meios culturais e sociais na contemporaneidade, mostrar como as meninas dessa turma investem em certas práticas corporais para serem consideradas belas. Levando em conta tais objetivos, foram apresentadas algumas situações desenvolvidas no cotidiano escolar da referida turma, para que as crianças pudessem expressar suas concepções a respeito do tema. Os resultados mostraram que as meninas, bem como os meninos, se preocupam com suas aparências e tais preocupações provavelmente são construídas a partir das representações e imagens aos quais elas/es têm acesso através de diversos meios. Em função da intensa presença de representações e imagens, meninas, em especial, são encorajadas a investir em seus corpos, o que colabora na constituição de suas identidades. Elas, muitas vezes, almejam ter corpos perfeitos e investem em práticas para esconderem seus “defeitos” e se parecerem com celebridades que admiram. Entretanto, tais práticas não foram aqui analisadas como “naturais” ao comportamento feminino, mas como parte de uma construção histórica, social e cultural. Para o desenvolvimento das análises foram utilizadas as contribuições dos Estudos de Gênero, dos Estudos Culturais e dos Estudos de Cultura Visual, especialmente aqueles que se aproximam da perspectiva pós-estruturalista de análise. Tais campos de estudos mostram-se produtivos na medida em que julgam que nossas identidades são forjadas e constituídas continuamente dentro de determinadas culturas, pela disputa constante de poder. Além disso, fornecem ferramentas para a análise de artefatos e acontecimentos que permeiam as arenas culturais e educacionais e que possuem grande relevância na produção das identidades infantis.
Abstract In contemporary Brazilian society, questions of appearance and body image are recognized as central elements in the construction processes of children‟s identities. This thesis aims to discuss to what extent the representations of beauty and ugliness understood by children of an early childhood education class, from a public school in the municipality of Esteio/RS, affect the way girls deal with and invest in their bodies, and thus outline their femininities. The main focuses of this research are: 1) to present how certain representations of gender, race/color, social class and generation, built and repeated daily through a variety of cultural and visual pedagogies , reflect and circulate as almost absolute truths in the children's educational environment; 2) to show how the girls in this group get involved with certain bodily practices to be considered beautiful from representations spread among different cultural and social media in contemporaneity, Taking into account such objectives, some situations developed in the school everyday life were presented so that the children could express their ideas about the theme. The results showed that girls and boys are worried about their appearances and such concerns probably are constructed from images and representations to which they have access through various means. Due to the intense presence of representations and images, girls in particular are encouraged to invest in their bodies, which contribute in the formation of their identities. They often want to have perfect bodies and engage in practices to hide their "flaws" and resemble celebrities they admire. However, such practices were not analyzed here as a “natural" female behavior, but as part of a system of historical, social and cultural relations. For the development of such analyses, the contributions of Gender Studies, Cultural Studies and Visual Culture Studies were used, particularly those associated with the post-structuralism approaches. Such fields of study are productive to the extent that they believe that our identities are continually forged and incorporated within certain cultures by a constant struggle over power. In addition, they provide tools for the analysis of artifacts and events, which permeate the cultural and educational arenas and are relevant to the production of children's identities.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/28820
Arquivos Descrição Formato
000772697.pdf (4.097Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.