Repositório Digital

A- A A+

Diagnóstico, fatores de risco e patogênese da pré-eclâmpsia

.

Diagnóstico, fatores de risco e patogênese da pré-eclâmpsia

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Diagnóstico, fatores de risco e patogênese da pré-eclâmpsia
Outro título Diagnosis, risk factors and pathogenesis of preeclampsia
Autor Orcy, Rafael Bueno
Pedrini, Renata Ortiz
Piccinini, Pedro Salomão
Schroeder, Sabrina
Martins-Costa, Sérgio Hofmeister de Almeida
Ramos, José Geraldo Lopes
Capp, Edison
Corleta, Helena von Eye
Resumo A pré-eclâmpsia é uma doença da gestação que pode determinar restrição no crescimento fetal, prematuridade e, em casos mais graves, morte da mãe e do feto. Caracteriza-se por hipertensão arterial materna, proteinúria significativa ( 0,3 g/24h), edema, vasoconstrição do leito vascular materno e conseqüente aumento da resistência vascular. Muitos estudos discutem fatores de risco, patogênese e critérios para o diagnóstico da pré-eclampsia, porém as variações na forma de apresentação e de evolução clínica dessa doença dificultam o entendimento dos resultados obtidos, freqüentemente conflitantes. A padronização diagnóstica e as pesquisas de base genética e molecular podem trazer, em um futuro próximo, maior compreensão dessa patologia. Neste artigo apresentamos uma revisão da literatura, com destaque para a relação entre pré-eclâmpsia e resistência à insulina.
Abstract Preeclampsia is an illness of the gestation that involves fetal growth restriction, prematurity and, in more severe cases, death of mother and fetus. It is characterized by maternal hypertension, significant proteinuria ( 0,3 g/24h), edema, vasoconstriction of maternal blood vessels and consequent increase in vascular resistance. Many studies discuss risk factors, pathogenesis and diagnostic criteria of preeclampsia; however, there are large variations in presentation and clinical course of this illness, which make interpretation of frequently conflicting results difficult. Diagnostic standardization and research of genetic and molecular bases can bring a better understanding of this pathology in a near future. In this paper, we present a review of the literature, stressing the relation between preeclampsia and insulin resistance.
Contido em Revista HCPA. Porto Alegre. Vol. 27, n. 3 (2007), p. 43-46
Assunto Etiologia
Fatores de risco
Pré-eclâmpsia
Resistência à insulina
[en] Diagnosis
[en] Insulin resistance
[en] Physiopathology
[en] Preeclampsia
[en] Risk factors,
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/28917
Arquivos Descrição Formato
000728626.pdf (105.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.