Repositório Digital

A- A A+

Expectativas futuras de adolescentes em situação de rua : um estudo autofotográfico

.

Expectativas futuras de adolescentes em situação de rua : um estudo autofotográfico

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Expectativas futuras de adolescentes em situação de rua : um estudo autofotográfico
Autor Neiva-Silva, Lucas
Orientador Koller, Silvia Helena
Data 2003
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Pós-Graduação em Psicologia do Desenvolvimento.
Assunto Adolescente
Fotografia
Populacoes de risco
Resumo O objetivo deste trabalho foi identificar as expectativas futuras de adolescentes em situação de rua, em relação à educação, ao trabalho, à família e à moradia, examinando as interconexões existentes entre elas e buscando compreender os fatores relacionados ao processo de construção e desconstrução dos projetos de vida. À luz da Abordagem Ecológica do Desenvolvimento Humano, cada tema foi investigado considerando a dimensão Tempo em toda a sua extensão, buscando fatores no presente e no passado que fornecessem subsídios para entender o processo de construção de projetos futuros. A amostra foi composta por 14 adolescentes em situação de rua, do sexo masculino, com idades entre 12 e 16 anos, encontrados nas ruas de Porto Alegre e identificados por cinco fatores principais: 1) atividades realizadas nas ruas; 2) vinculação familiar; 3) aparência pessoal; 4) local de permanência; e, 5) presença/ausência de um adulto responsável. Na primeira etapa da pesquisa, foi utilizada uma entrevista semi-estruturada, baseada nos fatores ecológicos de Contexto, Tempo e Processo. As entrevistas foram submetidas à análise de conteúdo. Na segunda etapa da pesquisa, baseada no método autofotográfico, os adolescentes receberam uma câmera fotográfica e foram solicitados a registrar 12 fotografias em resposta à pergunta "Como você se vê no futuro?". Após a revelação, as fotos foram entregues aos participantes e, com base nestas, foi realizada nova entrevista. As imagens fotográficas foram submetidas à análise de conteúdo, de acordo com o método citado. Os dados mostraram que, em geral, os adolescentes em situação de rua apresentam projetos futuros bem elaborados em relação às áreas profissional, familiar, educacional e habitacional. Sobre as expectativas profissionais, os adolescentes almejaram trabalhar em diferentes profissões, buscando principalmente a melhoria financeira e a valorização social através do resultado final do trabalho. Apesar dos conflitos vivenciados no contexto familiar presente, os adolescentes apresentaram o desejo de constituir família, buscando um modelo tradicional formado por esposa e filhos. Os participantes depositaram grande importância na Educação como forma de ascensão profissional, indicando o estudo como principal forma de realização de seus projetos. Todos os adolescentes referiram a intenção de continuar ou retomar os estudos no futuro. Os adolescentes buscaram a própria inserção social através da mudança do local de moradia. Configurou-se, como principal expectativa, a saída das favelas e a ida para os bairros, percebidos como setores mais valorizados socialmente, com menos riscos à vida e à saúde de seus moradores.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/2898
Arquivos Descrição Formato
000377996.pdf (1.294Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.