Repositório Digital

A- A A+

Food intake and serum levels of iron in children and adolescents with attention-deficit/hyperactivity disorder

.

Food intake and serum levels of iron in children and adolescents with attention-deficit/hyperactivity disorder

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Food intake and serum levels of iron in children and adolescents with attention-deficit/hyperactivity disorder
Outro título Ingestão alimentar e níveis séricos de ferro em crianças e adolescentes com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade
Autor Menegassi, Márcia
Mello, Elza Daniel de
Guimarães, Lísia Rejane
Matte, Breno Córdova
Driemeier, Fernanda Munhoz
Pedroso, Gabriela Lima
Rohde, Luis Augusto Paim
Schmitz, Marcelo
Resumo Objetivo: Investigar as variáveis hematológicas relacionadas à deficiência de ferro e à ingestão alimentar no transtorno de déficit de atenção/hiperatividade. Método: Sessenta e duas crianças e adolescentes (6-15 anos) divididos em três grupos: Grupo 1: 19 (30,6%) pacientes com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade com uso de metilfenidato durante três meses; Grupo 2: 22 (35,5%) pacientes com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade sem uso de medicamento; e Grupo 3: 21 (33,9%) pacientes sem transtorno de déficit de atenção/hiperatividade. Ferro sérico, ferritina, transferrina, hemoglobina, volume corpuscular médio, amplitude de distribuição dos eritrócitos, concentração da hemoglobina corpuscular média, parâmetros de diagnóstico nutricional – Coeficiente de Índice de Massa Corporal, inquérito alimentar e a correlação entre os sintomas do transtorno e os níveis de ferritina foram avaliados. Resultados: O grupo com transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade não medicado com metilfenidato apresentou maior amplitude de distribuição dos eritrócitos dentre os três grupos (p = 0,03). Nas outras variáveis hematológicas e inquéritos alimentares não encontramos diferença significativa entre os grupos. Não observamos correlação entre os sintomas do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade e ferritina. Conclusão: Marcadores periféricos do estado nutricional de ferro e a ingestão alimentar de ferro não parecem estar modificados em crianças com transtorno de déficit de atenção/hiperatividade, mas mais estudos avaliando os níveis de ferro no cérebro são necessários para compreensão plena do papel do ferro na fisiopatologia do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade.
Abstract Objective: To investigate hematologic variables related to iron deficiency and food intake in attention-deficit/hyperactivity disorder. Method: The sample comprised 62 children and adolescents (6-15 years old) divided into three groups: Group 1: 19 (30.6%) patients with attentiondeficit/ hyperactivity disorder using methylphenidate for 3 months; Group 2: 22 (35.5%) patients with attention-deficit/hyperactivity disorder who were methylphenidate naïve and Group 3: 21 (33.9%) patients without attention-deficit/hyperactivity disorder. Serum iron, ferritin, transferrin, hemoglobin, mean corpuscular volume, red cell distribution width, mean corpuscular hemoglobin concentration, nutritional diagnostic parameters - Body Mass Index Coefficient, food surveys were evaluated among the groups. Results: The attentiondeficit/ hyperactivity disorder group drug naïve for methylphenidate presented the highest red cell distribution width among the three groups (p = 0.03). For all other hematologic and food survey variables, no significant differences were found among the groups. No significant correlation between dimensional measures of attention-deficit/ hyperactivity disorder symptoms and ferritin levels was found in any of the three groups. Conclusion: Peripheral markers of iron status and food intake of iron do not seem to be modified in children with attentiondeficit/ hyperactivity disorder, but further studies assessing brain iron levels are needed to fully understand the role of iron in attention-deficit/ hyperactivity disorder pathophysiology.
Contido em Revista brasileira de psiquiatria = Brazilian journal of psychiatry. São Paulo. Vol. 32, n. 2 (jun. 2010), p. 132-138
Assunto Deficiência de ferro
Estado nutricional
Inquéritos sobre dietas
Metilfenidato
Transtorno do déficit de atenção com hiperatividade
[en] Attentiondeficit/ hyperactivity disorder
[en] Diet surveys
[en] Iron deficiency
[en] Methylphenidate
[en] Nutritional status
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/29023
Arquivos Descrição Formato
000758169.pdf (977.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.